Maria derrama a sua graça sobre a verve lírica do Poeta Edson Lodi

Francisco Araujo Edson LodiO primeiro poema de “A Graça de Maria – Poemas Devocionais” é lido em oração, em contrição. Escutando a clássica Ave Maria de Schubert. O meu dia nas terras sagradas do Alto Santo (Rio Branco – Acre) se torna místico

Numa nublada manhã de inverno amazônico, aqui no Querido Planeta Acre, abro o meu exemplar do novo livro do Amigo Edson Lodi, uma rica e ilustrada publicação, e, antes de lê-lo folheio atentamente. Grata surpresa ao encontrar um CD como encarte. Corro ao toca disco e o coloco a girar. E a leitura do livro “A Graça de Maria – Poemas Devocionais” é feita com musica, boa musica de fundo.

O primeiro poema, que dá título à obra, é lido em oração, em contrição. Escutando a clássica Ave Maria de Schubert. O meu dia nas terras sagradas do Alto Santo (Rio Branco – Acre) se torna místico.

Edson Lodi Campos Soares, Mestre Edson Lodi, é autor de outras brilhantes pedras finas, como os livros “Estrela da minha vida” e “Relicário – Imagens do Sertão”.

“Estrela da minha vida” é dividido em três partes: na primeira, o jovem jornalista Edson narra como conheceu a Luz da Hoasca e se tornou um discípulo de José Gabriel da Costa, o Mestre Gabriel, recriador da União do Vegetal, religião ayahuasqueira genuinamente brasileira.

A segunda parte do livro é uma homenagem ao seu Amigo Manuel Hipólito de Araújo, (10.06.1921 – 17.08.2000), presidente do Centro Espírita e Culto de Oração “Casa de Jesus – Fonte de Luz”. Quando o jovem Edson substituiu o faledido Mestre Adamir na interlocução com as demais religiões ayahuasqueiras, no movimento de legalizar e legitimar o uso religioso da ayahuasca, surgiu uma profunda e respeitosa amizade entre os dois, e é com emoção que Mestre Edson fala do seu Amigo, “um homem deitado em brancas redes”, quando o visita, ao lado da pequena filha, lá na Vila Ivonete (Rio Branco – Acre).

A terceira parte do livro é uma homenagem ao Mestre Antonio Gabriel, irmão do recriador da União do Vegetal. Quando José Gabriel da Costa retorna a Coração de Maria (Bahia) para rever os seus familiares, é ao irmão Antonio quem primeiro encontra na pequena cidadezinha semi-árida. Antônio se torna seu discípulo.

Em “Relicário – Imagens do Sertão”, Edson Lodi narra a introdução da música nas sessões da União do Vegetal; contando a história do fotografo Cícero, registra as primeiras imagens da memória desta instituição beneficente.

Voltando ao livro A Graça de Maria: “Uma mulher sem nome”, na voz marcante de Jackson Costa, é um poema social, que me fez lembrar aquela família pobrezinha, tão pobrezinha, que Seu Bento Filho nasceu em uma humilde manjedoura. Quando Francisco resolve abandonar as coisas do mundo em busca da Salvação, na Imitação do humilde Homem de Nazaré ele se tornou il Poverello de Assis.

“Minha guarda é o Senhor” embalada ao som dos violões de Anderson Mariano, é mais uma poesia-oração que Edson Lodi nos brinda, em devoção.

As músicas de Fernando Campos que acompanham o CD encarte, são daquelas músicas de mensagens edificantes que ouvimos na burracheira, no Salão do Vegetal.

A obra “A Graça de Maria – Poemas Devocionais”, de autoria do poeta Edson Lodi, foi lançada dia 12 de dezembro de 2014, no Palácio da Justiça, em Rio Branco –  Acre.

O livro vem acompanhado de CD de poemas e canções, tem sua capa ilustrada pela conceituada artista plástica Judy Hass e apresentação do músico e poeta Fernando Campos.

Aquela noite de gala, prestigiada por personalidades do cenário acreano, como o professor Clodomir Monteiro da Silva e o educador Francisco Hipólito Araujo Neto, foi coroada pela apresentação do Coral da Universidade Federal do Acre – UFAC, acompanhando o violinista Miquéias Haluen, fundo musical para a leitura de textos do livro, realizada pela atriz Karla Martins.

O poeta Edson Lodi agendou para a primeira semana de maio o lançamento do livro na minha primeira cidade, Salvador da Bahia. Sinto-me convidado, Poeta.

Entre o olhar da Mãe

E o de Seu Bendito Filho

A pureza permeava o infinito

Florescendo

No silêncio da eterna glória

E resplandecendo

A Memória do Pai celestial

Amor Vivíssimo

Amor Vivíssimo.

O que: Livro “A Graça de Maria – Poemas Devocionais”, de Edson Lodi, Judy Hass Ilustradora, Brasilia, 2014.

Ouça A Graça de Maria:

https://www.youtube.com/watch?v=TQyxICk4xUo

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Juarez Duarte Bomfim
Baiano de Salvador, Juarez Duarte Bomfim é sociólogo e mestre em Administração pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutor em Geografia Humana pela Universidade de Salamanca, Espanha; e professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Tem trabalhos publicados no campo da Sociologia, Ciência Política, Teoria das Organizações e Geografia Humana. Diversas outras publicações também sobre religiosidade e espiritualidade. Suas aventuras poético-literárias são divulgadas no Blog abrigado no Jornal Grande Bahia. E-mail para contato: [email protected]