Estrada que liga Humildes às BRs 324 e 101 fica pronta em 120 dias, afirma deputado Zé Neto

Assinatura da ordem de serviço contou com as presença de Zé Neto, Saulo Pontes e Reinaldo Estrela.

Assinatura da ordem de serviço contou com as presença de Zé Neto, Saulo Pontes e Reinaldo Estrela.

As obras de reestruturação da BA 513 – entroncamento  entre o distrito de Humildes, em Feira de Santana, a BR 324 e a BR 101 – com 3,7 km de extensão, devem ficar prontas em 120 dias. Foi o que afirmou Reinaldo Estrela, sócio-diretor da CBR Empreendimentos – empresa vencedora do processo de licitação realizado pelo governo do Estado e, portanto, responsável pelas obras –  na manhã desta terça-feira (28), durante assinatura da ordem de serviço para início das intervenções, previsto para o dia 1º de novembro. Conforme Reinaldo, “nos próximos dias, a equipe já entrará em campo”. O valor da intervenção está estimado em, aproximadamente, R$1,8 milhão.

O deputado estadual Zé Neto (PT), líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia, acompanhou a liberação das obras pelo governo do Estado, realizada na sede do Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia, localizada no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, quando dialogou, com técnicos e o diretor do Derba, Saulo Pontes, a respeito do material mais adequado para este tipo de intervenção levando em consideração as condições do local.

De acordo com Saulo, após estudos técnicos, a equipe de engenharia do Departamento, juntamente a da empresa, optou pelo uso de paralelepípedo. “Demoramos um pouco para licitar para discutirmos, tecnicamente, a melhor forma de pavimentação. Para a gente, seria mais conveniente fazer com asfalto, mas a engenharia alega que a estrada existente hoje é muito baixa e que, quando drenasse para fazer o asfalto, isso iria enterrar as casas laterais, prejudicando aos moradores. Com o uso do paralelo, se tem um pavimento mais duradouro, resistente, e que absorve melhor com relação à drenagem porque a água infiltra entre um paralelo e outro no colchão de areia da base e mantém melhor estabilidade, por isso foi adotada esta solução”, explicou.

“Nós estamos tentando uma solução com relação à pavimentação. A comunidade acha que seria melhor por asfalto e os técnicos apontam como melhor saída o paralelepípedo. Assim, vamos continuar conversando para que, antes de a empresa entrar em campo, a gente possa dialogar com a comunidade local para colocar os prós e os contras e encontrar uma solução intermediária”, disse Zé Neto, responsável por mediar, recentemente, conversa entre o governador Jaques Wagner e moradores do distrito de Humildes, quando estes pediram ao governador melhorias na via.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]