Deputado José de Arimatéia entrega dois milhões de assinaturas no Congresso, da campanha Assine+Saúde

José Arimatéia: “O projeto irá beneficiar a saúde no Brasil inteiro, mesmo aos estados que não tenham participado da campanha. Acredito que o PRB está dando sua contribuição nessa ação”.

José Arimatéia: “O projeto irá beneficiar a saúde no Brasil inteiro, mesmo aos estados que não tenham participado da campanha. Acredito que o PRB está dando sua contribuição nessa ação”.

Deputado José Arimatéia entrega documentos à congressistas.

Deputado José Arimatéia entrega documentos à congressistas.

Mais de 100 mil assinaturas recolhidas durante nove meses de mobilização pelo deputado estadual José de Arimatéia (PRB-BA), através da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa, foram entregues ao Congresso Nacional, ontem (14/08/2013).

O republicano apresentou pessoalmente a contribuição do estado da Bahia na campanha “Assine+Saúde”, que cria o Projeto de Lei de iniciativa popular com o propósito de ampliar os recursos da União, por meio da exigência de aplicação mínima de 10% da receita corrente bruta do país, na área da Saúde.

“O projeto irá beneficiar a saúde no Brasil inteiro, mesmo aos estados que não tenham participado da campanha. Acredito que o PRB está dando sua contribuição nessa ação”, aponta Arimatéia.

De acordo com ele, o Congresso Nacional recebeu, no total, dois milhões de assinaturas colhidas em onze estados que também se manifestaram favoráveis à emenda 29.

“Era necessário o recolhimento de 1,5 milhão de assinaturas, mas o projeto chega hoje à Casa com 2 milhões”, comemora Arimatéia. Segundo o deputado, Minas Gerais lidera a campanha com o maior número de assinaturas recolhidas ao longo de um ano e meio, seguido de Santa Catarina e da Bahia, que foi o terceiro estado mais a recolher o maior número de assinaturas.

O deputado José de Arimatéia explica ainda que os recursos devem ser investidos em médicos e equipamentos para uma melhor estrutura dos hospitais. “Dinheiro para a saúde tem, mas quanto mais, melhor. Depois de aprovado o Projeto de Lei esperamos que o Ministério intensifique a fiscalização do dinheiro público empregado neste setor”, ressalva. O projeto popular foi entregue ao presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, e aguarda aprovação da presidente Dilma Rousseff.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: [email protected]