Prefeito eleito de Salvador participa das mobilizações da UPB e defende integração

ACM Neto e Luiz Caetano, presidente da UPB. Discussões em torno da integração regional.

ACM Neto e Luiz Caetano, presidente da UPB. Discussões em torno da integração regional.

Prefeito eleito de Salvador, ACM Neto (DEM), afirmou que pretende participar das mobilizações da União dos Municípios da Bahia (UPB) em defesa da melhor distribuição do bolo tributário nacional. Em conversa com o presidente da entidade, Luiz Caetano (PT), prefeito de Camaçari, o democrata, que sempre esteve ao lado dos gestores como deputado, afirmou que pretende participar das lutas para que a União compense os municípios pela queda nos repasses federais ocasionados em função das desonerações de tributos como o IPI para veículos.

“Esse papel que a UPB desempenha é de grande importância. Nós temos uma pauta comum, e precisamos nos mobilizar. Quero estar presente nessas discussões”, declarou ACM Neto. “É importante sempre que o prefeito de Salvador esteja presente em nossos eventos e iniciativas”, afirmou Luiz Caetano, acrescentando que as perdas para os municípios com a redução do IPI, tributo que faz parte da base de cálculo do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), chega a R$8 por mês milhões para as prefeituras baianas.

Integração

ACM Neto defendeu, em conversa com jornalistas durante a abertura do encontro organizado pela UPB com gestores eleitos em outubro, na noite de ontem (09), em Guarajuba (Camaçari), a integração entre Salvador e os municípios da Região Metropolitana e Baía de Todos os Santos. “Temos uma pauta mais estreita com esses municípios próximos em questões como mobilidade e turismo, entre outros pontos. Por isso, podemos trabalhar em conjunto para resolver problemas e gerar mais oportunidades”, disse o democrata.

Durante o encontro em Guarajuba, que contou com a presença do governador Jaques Wagner, a maior queixa dos prefeitos foi em relação à queda nos repasses da União e as exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) com folha de pagamento diante da redução das transferências do governo federal. Os prefeitos também defenderam o projeto aprovado na Câmara que distribui entre todos os estados e municípios a riqueza do pré-sal.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]