Pacientes em tratamento de hemodiálise apresentam denúncias sobre serviços prestados por clínicas em Salvador

pacientes-em-tratamento-de-hemodialise-apresentam-denuncias-sobre-servicos-prestados-por-clinicas-em-salvadorO deputado estadual e presidente da Comissão de Saúde e Saneamento da Assembléia Legislativa da Bahia, José de Arimatéia (PRB), recebeu na manhã, desta terça-feira (03/04/2012), a presidente da Associação de Pacientes Transplantados da Bahia (ATX-BA), Márcia Chaves, além de dois pacientes que fazem o tratamento de hemodiálise.

O grupo denunciou que a Prefeitura de Salvador vem retendo os pagamentos de clínicas e hospitais prestadoras de serviço pelo Sistema Único de Saúde (SUS), até mesmo instituições que realizam hemodiálise, motivando implicações na Saúde Pública do município.

A professora Telma de Novais Coelho leu um documento da clínica onde ela se apresenta três vezes por semana, para realizar o tratamento de Hemodiálise. A carta avisa que a clínica não mais poderá continuar prestando serviço, uma vez que a prefeitura de Salvador não faz o pagamento aos funcionários. “Eu faço esse tratamento há seis anos e realmente necessito dele para sobreviver. Percebam a gravidade”, conta Telma.

A presidente da Associação de Pacientes Transplantados da Bahia, entidade sem fins lucrativos que desenvolve atividades para contemplar os mais de 500 associados com qualidade de vida, denunciou que as clínicas não estão permitindo que os pacientes se inscrevam na fila de espera para transplante.

“Já temos o pior sistema de captação de órgãos no Brasil e agora essas instituições querem inibir o que é garantido por lei? Não pode continuar dessa forma, caso contrário vários cidadãos vão morrer”, relatou Márcia Chaves.

O colegiado garantiu levar as denúncias ao conhecimento do Ministério Público (MP) e da Secretária Municipal de Saúde, Tatiana Paraíso.

 

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]