Promotores de Justiça da Infância darão plantão no Carnaval e atuarão em conjunto com outros órgãos

Cinco promotores de Justiça da Infância trabalharão durante os festejos carnavalescos em regime de plantão atuando no Centro de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional, situado na Avenida Bonocô, de acordo com portaria do procurador-geral de Justiça em exercício José Gomes Brito publicada no último dia 10. E, de acordo com decisão firmada na reunião realizada hoje, dia 13, na sede do Ministério Público do bairro de Nazaré, conduzida pela promotora de Justiça Izabel Cristina Vitória Santos, eles trabalharão em parceria com diversos órgãos de proteção à criança e ao adolescente.

A partir da próxima sexta-feira, dia 17, estarão de plantão além de Izabel Cristina, os promotores de Justiça também da Infância Luscínia de Almeida Queiroz, Cinthia Crusoé Guanaes Gomes Soares, Evandro Luiz Santos de Jesus e Marly Barreto de Andrade. A reunião realizada na manhã de hoje deu continuidade a outras já realizadas, inclusive com a participação da coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Infância (Caoca) Márcia Guedes, e da promotora de Justiça da Infância Cintia Guanaes. Nesse encontro, cada órgão informou como vai atuar, fornecendo detalhes importantes para um trabalho de equipe, como em que locais estarão, número de pessoas disponíveis, entre outros que foram repassados para todos.

Foi durante esses debates que os Conselhos Tutelares conseguiram o atendimento de reivindicações que darão melhores condições de trabalho como o aumento do número e valor dos tickets alimentação e adoção providências quanto à estrutura física e operacional. Durante o Carnaval, 65 conselheiros se revezarão de forma a atuar 24 horas por dia e terão como ponto de apoio três postos que funcionarão na Rua Chile, nº 03 (prédio da Setad), Ladeira dos Aflitos, nº 15 (sede do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente-CMDCA) e Escola Santa Terezinha, situada na Av. Centenário, nº 2829, perto do Shopping Barra. O posto central da Setad que funcionou no Tororó até o ano passado, foi transferido para o Largo 2 de Julho.

À reunião compareceram a delegada titular da Derca, Claudenice Teixeira; a sub-secretária da Setad, Roberta Padre; defensora pública Hélia Barbosa; representante da Policia Civil Rosimar Malafaia, representantes de Conselhos Tutelares, entre outros que estarão engajados na proteção das crianças e adolescentes, dando ênfase à “Campanha de Enfrentamento à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes” e ao projeto “O Trabalho Infantil vai Dançar no Carnaval”; à violação dos direitos, atuando também com famílias e indivíduos em situação de vulnerabilidade social no Carnaval. Foram informados também os locais de abrigamento temporário para crianças e adolescentes.

*Com informação : Ministério Público da Bahia

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]