Programação no MAP e Parque da Cidade canceladas por questões de segurança pública na cidade de Feira de Santana. Confira notícias da PMFS

Por medida de prevenção as atividades da 4ª edição do Projeto Verão no Parque, que aconteceriam neste domingo (05/02/2012) no Parque da Cidade Frei José Monteiro Sobrinho, foram transferidas para o dia 12. O projeto musical “Todo sábado no MAP é show” também foi cancelado.

A programação no Mercado de Arte Popular com os cantores Jorge de Angélica e Gilsan foi adiada para o próximo sábado (11/02/2012). A mudança deve-se ao clima de insegurança enfrentado na cidade desde a tarde desta quinta-feira (2), em virtude da greve deflagrada pela Polícia Militar da Bahia.

A segurança na cidade está sendo reforçada com a presença do Exército nas ruas, Polícias Federal e Civil, Companhia Independente de Polícia Especializada (CIPE) Litoral Norte, Caatinga, além da Guarda Civil Municipal.

Mantidos serviços de urgência e emergência, Policlínicas e hospitais municipais estão funcionando

Os órgãos e repartições municipais que garantem a prestação dos serviços essenciais à saúde pública em Feira de Santana estão funcionando normalmente nesta sexta-feira (03/02/2012). Apenas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e postos do Programa de Saúde da Família (PSF), que prestam serviços ambulatoriais, estão com o atendimento suspenso, em razão da greve deflagrada pela Polícia Militar, que coloca em risco a vida de pacientes e funcionários.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) também suspendeu o expediente desta sexta-feira. De acordo com a diretora de Gestão da Rede Própria, Gilberte Lucas, a medida preventiva visa assegurar a vida dos servidores. “Com a falta de policiamento, todos nós ficamos vulneráveis. O número de servidores que atuam na SMS é grande. Resguardá-los neste momento é essencial”, salienta.

Policlínicas, Hospital Inácia Pinto dos Santos (Hospital da Mulher), Hospital Municipal da Criança e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) mantêm o funcionamento ininterrupto, assim como o Centro de Atenção Psicossocial Dr. João Carlos Lopes Cavalcante (Caps III), que acompanha pacientes em tratamento de transtornos mentais severos e persistentes, como neuroses graves e psicoses.

A equipe da Divisão de Vigilância Epidemiológica (Viep) responsável pelas atividades de investigação e monitoramento de agravos também mantém o plantão. Os plantões da Viep fazem parte da rotina de trabalho do órgão. A equipe é solicitada pelas policlínicas e hospitais todas as vezes em que dão entrada nas unidades pacientes com suspeita de doenças transmissíveis como meningite, coqueluche e dengue.

O secretário de Saúde, Getúlio Barbosa, observa que a prestação dos serviços de urgência e emergência é fundamental para assistir à população. “A assistência à saúde dos cidadãos deve ser mantida, mesmo quando se convive neste clima de insegurança. Os serviços de caráter ambulatoriais nos PSF´s e UBS deverão voltar a funcionar normalmente quando a segurança estiver estabelecida novamente na cidade”, pontua.

Comércio retoma funcionamento nesta 6ª

Centenas de homens da Polícia Militar e Exército estão nas ruas

O funcionamento do comércio de Feira de Santana está voltando ao normal na manhã desta sexta-feira (03/02/2012). Depois do clima tenso registrado no Centro na tarde de quinta-feira (02/02/2012) por conta da greve deflagrada pela Polícia Militar, lojas, supermercados e o Shopping Boulevard mantêm as atividades normalmente.

Há centenas de homens da Polícia Militar e Exército realizando a segurança no centro comercial. Em razão disso, várias lojas voltam a abrir as portas e os consumidores, por sua vez, a fazer suas compras. O Shopping Boulevard também está aberto, mas não informou sobre o horário que o expediente será encerrado.

Segundo o presidente do Sindicato do Comércio de Feira de Santana, José Carlos Moraes, vários supermercados situados no centro estão abertos. “A polícia precisa ficar nas ruas para acalmar a população. Quando passei por algumas ruas já vi homens da Caatinga na avenida Getúlio Vargas, o que tranquiliza toda a comunidade”, ressalta o presidente do sindicato.

A orientação de Délcio Mendes, presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Feira de Santana, é que os empresários devem se precaver e abrir os estabelecimentos com a segurança necessária. “O comerciário não pode ficar sujeito à ação de vândalos”, ressalta.

Serviço 156 disponível 24 horas

Informações sobre funcionamento do comércio e órgãos públicos

Solicitações referentes ao funcionamento dos órgãos públicos e, sobretudo, do comércio foram a maior demanda registrada pela Central Disque Denúncia (CDD), nas últimas horas. O serviço acionado através do número 156 continua à disposição da comunidade durante 24 horas para receber solicitações ou denúncias.

Na tarde desta quinta-feira (02/02/2012) as lojas do centro de Feira de Santana fecharam as portas mais cedo em razão da greve deflagrada pela Polícia Militar. No entanto, alguns estabelecimentos comerciais voltaram a funcionar normalmente na manhã desta sexta-feira (03/02/2012).

Segundo a coordenadora da central, Eliane Araújo, as atividades do Disque Denúncia, instalado na Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev) foram mantidas. “Depois da greve, registramos uma redução no número de solicitações, mas estamos buscando atender todos os pedidos feitos pela comunidade”, assegura.

Através da Central 156 também podem ser solicitados serviços públicos necessários para melhoria da qualidade de vida da população, como a retirada de lixo e entulho, remoção de animais mortos e poda de árvores.

A comunidade pode solicitar, ainda, assistência do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Superintendência Municipal de Trânsito (SMT), Guarda Civil Municipal, Defesa Civil, Polícia Militar, além de reclamações, denúncias e solicitações diversas.

Exército presente nas ruas de Feira

Medida será anunciada em coletiva à imprensa no 35º BI

As forças auxiliares do Exército vão reforçar a segurança da população de Feira de Santana. O anúncio da presença das tropas nas ruas da cidade a fim de assegurar a ordem pública no Município será feito às 10 horas, pelo comandante do 35º BI, tenente coronel Rogério Matos dos Santos, durante entrevista coletiva no 35º Batalhão de Infantaria (BI).

No início da manhã desta sexta-feira (03/02/2012), o prefeito Tarcízio Pimenta esteve reunido com o comandante da unidade do Exército Brasileiro em Feira de Santana para discutir a necessidade da presença das forças armadas nas ruas, em virtude do estado anormal dos serviços de segurança pública provocados pela greve deflagrada pela Polícia Militar da Bahia.

O encontro, realizado na sede do Batalhão, contou com as presenças dos secretários municipais Fabrício Almeida (Comunicação), Mizael Freitas (Prevenção à Violência), Flailton Frankles (Transportes e Trânsito), Magno Felzemburgh (Turismo e Desenvolvimento Econômico), Nivaldo Vieira (Relações Interinstitucionais) e o comandante da Guarda Civil Municipal, Marcos Vinícius Alves.

Melhorias no PSF Homero Figueiredo

Primeira reforma na unidade de saúde desde a inauguração

As intervenções realizadas pelo Governo Municipal nas unidades de saúde para garantir mais conforto e comodidade aos pacientes continuam sendo executadas. A ação contempla agora o posto do Programa de Saúde da Família (PSF) Homero Figueiredo, localizado no bairro Gabriela. Inaugurado em 2004, a unidade passa pela primeira reforma.

Os serviços foram iniciados há aproximadamente um mês e prosseguem com a finalização da pintura interna e externa do prédio. O telhado passou por reparos, com o intuito de evitar infiltrações, assim como a rede elétrica. Ainda serão executados serviços para recuperação do passeio e rampa para cadeirantes e revisão da rede hidráulica.

A enfermeira responsável pela unidade, Rafaela Evangelista, observa que a intervenção chegou em boa hora. “Como foram quase oito anos sem nenhuma reforma, a unidade estava realmente precisando desses serviços de recuperação. Além de proporcionarmos mais comodidade aos pacientes, estaremos oferecendo também melhores condições de trabalho aos profissionais que atuam na unidade”, salienta.

Segundo a enfermeira, a demanda do PSF tem sido crescente. “Atualmente estamos acompanhando uma média de 1.800 famílias mensalmente. São pacientes que moram nos loteamentos situados próximos ao PSF, como Amaralina e Maria Angélica, além daqueles que residem nos conjuntos Arco-íris e Alvorada”, acrescenta.

O PSF Homero Figueiredo possui estrutura ampla e conta com três consultórios – médico, odontológico e de enfermagem, salas de reunião, vacina, curativo, farmácia, banco de leite humano, além de copa e banheiros. O atendimento ao público não foi interrompido por conta dos serviços de reforma.

Coleta de lixo sofre alteração

Insegurança enfrentada desde o início da tarde desta quinta-feira

A Secretaria Municipal de Serviços Públicos (Sesp) informa que a coleta de lixo domiciliar sofreu algumas alterações por conta da insegurança enfrentada desde o início da tarde desta quinta-feira (02/02/2012). Agentes de limpeza encontraram diversas dificuldades para realizar a varrição e coleta de resíduos sólidos no centro da cidade.

Segundo o secretário de Serviços Públicos, Alexandre Monteiro, a coleta de lixo será eficientizada em sua totalidade, assim que a situação da segurança pública for normalizada no Município.

“Solicitamos a compreensão da comunidade para que não depositem lixo nas residências ou em locais inadequados até que a situação seja normalizada. Pedimos a colaboração de todos, e assim que tudo for resolvido estaremos intensificando os serviços para que a coleta volte a funcionar com eficiência”, assegura.

Exército solicitado para atuar nas ruas

Governador adota medida defendida pelo prefeito

O governador Jaques Wagner solicitou a intervenção do Exército Brasileiro e da Força Nacional de Segurança na Bahia, devido à greve dos policiais militares, deflagrada terça-feira (31/02/2012). 150 homens da Força Nacional desembarcam em Salvador nesta quinta-feira (0/02/20122), às 22 horas. Outros 500 homens chegam à Bahia nas próximas 48 horas para reforçar o policiamento em todo o estado. Ainda está prevista a presença de tropas do Exército.

A medida foi anunciada agora há pouco em entrevista coletiva pelo secretário estadual da Segurança Pública, Maurício Barbosa. “Vamos empregar todas as forças para garantir a tranquilidade”, assegurou. Mauricio Barbosa e o comandante-geral da PM, coronel Alfredo Castro, se reúnem nesta sexta-feira (03/02/2012), à tarde, com o comandante da VI Região Militar, general Gonçalves Dias, para definir a participação do Exército no reforço à segurança no estado.

A iniciativa segue a mesma posição do prefeito Tarcízio Pimenta, que no início da tarde enviou ofício às autoridades civis e militares do Estado, informando a situação de insegurança em Feira de Santana, solicitando a ação do Exército. Além disso, foi criado um Gabinete de Gerenciamento de Crise, para acompanhar todos os acontecimentos.

No documento, o prefeito justifica a solicitação da presença do Exército em Feira de Santana pelo “estado anormal dos serviços de segurança pública, em decorrência da crise institucional entre a Polícia Militar da Bahia e o Governo do Estado”. A greve dos policiais militares, diz o ofício, “coloca a população da Bahia à mercê da sua própria sorte”.

O prefeito informa ainda a ocorrência de “arrastões” e homicídios, provocando pânico generalizado e o fechamento do comércio e de todo o segmento da economia local e cita o artigo 144 da Constituição Federal de 1988, segundo o qual “a segurança pública, dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, é exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio”.

Gabinete para gerenciar crise da segurança

Governo pede providências a autoridades civis e militares

O prefeito Tarcízio Pimenta determinou a criação de um Gabinete de Gerenciamento de Crise, para acompanhar todos os acontecimentos em torno da crise provocada pela greve dos policiais militares, junto a autoridades civis e militares. O objetivo é tranqüilizar a população, que está em pânico desde o início da tarde desta quarta-feira (02/02/2012), por conta da falta de segurança nas ruas.

O gabinete será presidido pelo próprio prefeito e integrado pelos secretários de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), Mizael Freitas, de Transportes e Trânsito, Flailton Frankles, e de Comunicação Social, Fabrício Almeida. A primeira ação do grupo foi manter contato com a Casa Civil da Presidência da República, Ministério da Justiça, 6ª Região Militar, Secretaria de Segurança Pública da Bahia e Comando Geral da Polícia Militar.

De acordo com o prefeito, o objetivo é manter as autoridades informadas sobre os últimos acontecimentos na cidade e, ao mesmo tempo, buscar medidas para garantir a segurança e a tranquilidade da população. A cidade está em estado de alerta a partir da noite de quarta-feira, quando os militares paralisaram as atividades. Com as notícias de assaltos e arrastões que estariam ocorrendo, todo o comércio foi fechado e o centro esvaziado.

Como medida preventiva, várias unidades de saúde também suspenderam o atendimento nesta tarde, principalmente nos bairros da periferia, para garantir a segurança dos pacientes, funcionários e do próprio equipamento público. Enquanto isso, a Guarda Civil Municipal foi acionada para reforçar a segurança do patrimônio público e a Central de Videomonitoramento continua funcionando 24 horas.

Mais de 200 inscritos no Protejo

Postos avançados para realização de inscrições nos bairros

O Projeto de Atenção aos Jovens em Território de Vulnerabilidade (Protejo) está com inscrições abertas até o dia 10 de fevereiro. Até o final da manhã desta quinta-feira (02/02/2012) foram contabilizados 214 jovens inscritos para o processo de seleção que vai contemplar 200 cidadãos de ambos os sexos, com faixa etária entre 15 e 24 anos em conflito com a lei.

Os interessados em participar podem se inscrever na Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos, na rua Castro Alves, 1038, Centro. É preciso apresentar cópia e original do RG, CPF e comprovante de residência. Os menores de 18 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis. Os participantes receberão bolsa mensal no valor de R$ 100,00 durante doze meses quando passarão por formação profissional.

De acordo com a pedagoga do Protejo, Claudia Ribeiro, a divulgação está sendo reforçada a fim de esclarecer à sociedade os objetivos e operacionalidade do projeto. Ela informa que a Seprev está montando postos avançados de inscrições em alguns bairros.

“Através de reuniões realizadas com associações comunitárias e conselhos estamos agendando postos para que os jovens possam realizar as inscrições na própria comunidade. Já levamos o posto para o Feira X e no próximo dia 06 o posto será montado no Campo do Gado Novo. O próximo bairro será Cidade Nova”, informa.

Nesta sexta-feira (03/02/2012), às 19h30, a Comissão Técnica e Pedagógica do Projeto realiza reunião na Associação Comunitária União e Progresso na rua Jacuizinho, n° 113, no bairro Pedra do Descanso. Durante o encontro os profissionais que vão atuar no processo de formação dos jovens vão esclarecer dúvidas e atrair cidadãos em situação de risco ou vulnerabilidade social para participar do Protejo.

Adiada inauguração no conjunto Jomafa

Pavimentação asfáltica da Rua A e recuperação da praça local

A reinauguração da Rua A, localizada no conjunto Jomafa, prevista para a noite desta quinta-feira (02/02/2012), foi adiada pela Prefeitura de Santana. A via pública recebeu pavimentação asfáltica com Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ) e sinalização, e a praça local está sendo totalmente recuperada.

Embora o asfaltamento da rua tenha sido concluído, a obra da praça continua em andamento. Na manhã desta quinta-feira, os serviços estavam concentrados na execução da calçada, rampas de acesso e poda de árvores, além de varrição e sacheamento.

Foi realizada, ainda, a implantação de três novas luminárias para oferecer melhor luminosidade à praça. O equipamento também vai receber paisagismo moderno e será entregue à população local nos próximos dias, já que é uma via pública de grande tráfego, onde estão localizados o Complexo Policial Investigador Bandeira e 3ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran).

“Estamos trabalhando com 12 homens para terminar a obra da praça ainda nesta quinta-feira. Depois disso a Prefeitura vai dar início à implantação do paisagismo”, informa a diretora da empresa responsável pela obra, Pré-Moldados Amorim, Deusa Pereira. A construtora foi contratada pela Prefeitura de Feira de Santana.

PSFs e UBSs fechados por medida preventiva

Unidades voltam a funcionar nesta 6ª desde que haja segurança

Os postos das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Programa de Saúde da Família (PSF) foram fechados no início da tarde desta quinta-feira (02/02/2012), às 14h, em razão da greve deflagrada pela Polícia Militar. Por medida preventiva e para evitar que funcionários e pacientes estejam vulneráveis, a Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) tomou esta medida.

Encontram-se fechadas as UBSs Serraria Brasil, Dispensário Santana, Subaé, Parque Getúlio Vargas, Cassa, Irmã Dulce e Caseb I e II. Também foi interrompido o expediente nas unidades Queimadinha, Mangabeira, Parque Ipê, Baraúnas, Jardim Cruzeiro, Rua Nova, CSU e Centro de Abastecimento.

Já os PSFs fechados estão localizados na Rocinha, Panorama, Sítio Mathias, Oyama Figueiredo, George Américo, Campo Limpo, Francisco Pinto, Feira X, Jussara, Liberdade e Santo Antônio dos Prazeres. As policlínicas, no entanto, continuam funcionando normalmente.

A previsão da Secretaria Municipal de Saúde é que as UBSs e PSFs voltem a funcionar normalmente nesta sexta-feira (03/02/2012), a partir das 7h, desde que haja segurança para toda a comunidade.

HMC dobrará capacidade de atendimento

Unidade de saúde vai dispor da maior UTI Neonatal do interior

O Hospital Municipal da Criança dobrará a sua capacidade de atendimento em 2012. Única unidade que dispõe de todas as especialidades de pediatria no município, o HMC passará a ter também a maior UTI Neonatal do interior do estado, com 24 leitos. A informação é do diretor do Complexo Materno Infantil, Raimundo Barreiros.

As obras de reforma e ampliação na unidade continuam a todo vapor. Além da UTI Neonatal, estão sendo realizadas intervenções no Mãe Canguru, que aumentará a capacidade de 6 para 12 leitos, e Mãe Puérpera, que passará de 6 leitos para 10. A unidade também está recebendo mais 40 leitos de obstetrícia, passando para 108 no total.

Barreiros informa ainda que foram aperfeiçoadas a parte física, pintura e climatização das enfermarias; adquiridos 100 berços para atender a maternidade e modernizado o sistema de informática com a aquisição de 30 novos computadores e provedores. Um novo sistema de climatização também foi implantado em todo o hospital.

Foram executadas também melhorias no laboratório de Análises Clínicas, que recebeu vários aparelhos novos como microscópio, imuno hormonais, bioquímica, hematologia, agitadores, centrífugas, pipetas e impressoras com código de barra. Estão em andamento as obras de restauração da parte física do laboratório; restauração do setor de nutrição e implantação de plano de gerenciamento de resíduos (PGRS).

No ano passado o Hospital Municipal da Criança registrou 3.592 consultas e 885 internamentos. Durante o período a unidade de saúde também implantou o Plano de Combate a Incêndio e Pânico, o Programa de Prevenção de Risco Ambiental (PPRA), a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) e o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT).

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]