Prefeito Tarcízio Pimenta declara: quase fui atropelado na Avenida Maria Quitéria, alguns cidadãos reagem negativamente à disciplina no trânsito

Tarcízo Pimenta é entrevistado por Carlos Augusto. Prefeito comenta sobre demissão de João Jorge: aqui, no município, nós estamos adotando as medidas e punindo os responsáveis.

Tarcízo Pimenta é entrevistado por Carlos Augusto. Prefeito comenta sobre demissão de João Jorge: aqui, no município, nós estamos adotando as medidas e punindo os responsáveis.

Prefeito Tarcízio Pimenta sobre investimentos realizados pela administração municipal.

Prefeito Tarcízio Pimenta sobre investimentos realizados pela administração municipal.

“Alguns motoristas ainda não conscientizados e ainda não preparados para assumir o controle de veículos, podem trazer grandes complicações para a cidade e para as famílias.”, afirma Pimenta.

O prefeito de Feira de Santana, Tarcízio Pimenta, concede entrevista exclusiva ao Jornal Grande Bahia, onde comenta sobre o novo fardamento dos agentes de trânsito, falta de sinalização nas ruas e avenidas, reação negativa de parte da população à disciplina no trânsito, demissão do chefe de gabinete João Jorge, oportunidade em que manda recado para os servidores e cargos de confiança.

Pimenta também fala de novas inaugurações, comenta sobre mudanças na presidência nacional do PDT. Ele finaliza dizendo-se otimista com relação à visita de prepostos da FIFA com objetivo de transformar Feira de Santana em sub sede para a Copa do Mundo de 2014.

Jornal Grande Bahia – O que motivou sua administração a investir em um novo fardamento para os agentes de trânsito?

Tarcízio Pimenta – Sucessivos encontros, reuniões surgiram e os pleitos por parte dos agentes de trânsito foram acontecendo. Promoveu-se a adequação desse novo fardamento, discutindo com eles, ouvindo e eles também participando desse processo de formatação do novo fardamento para os agentes da SMTT. Então chegamos a esse denominador comum, chegamos a esse entendimento e hoje eles já estão nas ruas de Feira de Santana com novos equipamentos e um novo fardamento.

JGB – O cidadão terá algum de tipo de facilidade para identificar o agente de trânsito que está o abordando ou fazendo uma ocorrência?

Tarcízio Pimenta – Tem, porque o próprio fardamento é convidativo a isso e também ele vai a noite refletir, tem determinadas peças no fardamento que promove o reflexo para a localização do próprio agente. Tudo está de acordo com as normas, e com o que determina o Conselho Nacional de Trânsito.

JGB – Existe uma queixa generalizada com relação às placas indicativas de velocidade nas vias de Feira de Santana. A sua administração já tomou ciência desse fato? Existe algum investimento previsto?

Tarcízio Pimenta – As placas estão nos locais que foram levantados e estudados pela própria empresa que administra e que é parceira da prefeitura com a questão dos pardais. O que existe na realidade, vindo de uma pequena parte população é a falta de respeito às leis de trânsito. Parte da população reage negativamente à questão das normas do trânsito e o órgão público não pode se dobrar diante disso.

Há poucos dias, no domingo pela manhã, eu estava percorrendo as ruas da cidade, e quase fui atropelado na Avenida Maria Quitéria, o cidadão desenvolveu uma velocidade de mais de 100 km/h na Maria Quitéria. Então imagine você o que não seria feito nas vias públicas da cidade se a gente não fizesse esse controle de trânsito. Alguns motoristas ainda não conscientizados e ainda não preparados para assumir o controle de veículos, podem trazer grandes complicações para a cidade e para as famílias.

JGB – Com relação a recente exoneração do chefe de gabinete da SEPREV, João Jorge. O que motivou essa exoneração por parte diretamente do senhor prefeito?

Tarcízio Pimenta – Houve uma posição equivocada por parte da empresa que é comandada pelo senhor João Jorge, ex-chefe de gabinete da SEPREV (Secretaria de prevenção a Violência), talvez por desconhecimento das leis e talvez por que não esteja diretamente a frente da empresa.

A empresa conseguiu uma dispensa de licitação na Secretária de Desenvolvimento Econômico e isso resultou em uma denúncia, foi apurada, instituída uma comissão de sindicância que apontou para algumas posições, inclusive pela a exoneração do servidor e isso foi feito, cumprindo todas as determinações da própria sindicância e obrigamos ao retorno ao erário do que foi pago, portanto não houve nenhum prejuízo para o município.

Ao contrário de alguns outros governos que a gente tem visto a todo o momento, a própria imprensa denunciando, ministro que tem recebido diária fora do processo, empresas que tem ganhado licitações sem condições de ganhar. Isto tem sido visto constantemente, e a imprensa alardeado a todo o momento. Mas aqui, no município, nós estamos adotando as medidas e punindo os responsáveis.

JGB – Essa celeridade no processo é um recado para toda a administração?

Tarcízio Pimenta – Claro, é um alerta, não pode! Não pode quem exerce cargo público contratar com o governo, isso é uma norma, e quem tentar burlar essa norma, só nos cabe punir e tomar as providências. Foi o que fizemos neste caso.

JGB – Desde o começo de janeiro, período ainda de férias, o senhor tem realizado uma série de inaugurações. O que o senhor planeja para os próximos dias?

Tarcízio Pimenta – Continuar com o processo de mais obras para o município. Inaugurar muitas obras que estão prontas, por exemplo, esta semana, nós temos obras em vários bairros, Parque Ipê, Parque Getúlio Vargas, Campo Limpo, Tomba, distritos, provavelmente vamos inaugurar obras em Jaguara, e também, devemos lançar novos empreendimentos.

Ainda hoje (31/01/2012) homologamos a construção de mais um CREAS, no bairro Jussara, a empresa ganhou, já foi licitada, já foi homologada e vamos dar ordem de serviço. De tal sorte que o governo vai seguindo, executando as suas missões, tudo aquilo que é necessário para a boa prática administrativa.

JGB – Para finalizar a nossa entrevista, vamos falar um pouco sobre a política nacional. Existe uma disputa pelo comando do PDT Nacional. Como é que o senhor analisa esse quadro, onde o ex-ministro mCarlos Lupi deseja retornar a presidência, mas me parece que existe uma resistência inclusive do neto de Brizola?

Tarcízio Pimenta – Quando o partido está em efervescência, na disputa pelo comando, com certeza porque tem importância. Houve uma reunião ontem (30/01) da Executiva Nacional, inclusive eu iria me fazer presente nessa reunião, mas com a visita dos prepostos da Copa do Mundo aqui em Feira de Santana, eu me senti na obrigação de recebê-los. Então não pude ir a Brasília para participar inclusive desse encontro. Mas, pelo que estou observando, a direção do partido deve votar pela manutenção de Carlos Lupi à frente do comando Nacional do PDT, ela vai se efetivar.

JGB – Falando um pouco de Copa do Mundo, qual foi o resultado concreto da visita da comissão da FIFA?

Tarcízio Pimenta – Primeiro impacto foi positivo, as equipes de fiscalização estiveram ai, visitaram os equipamentos públicos que estavam na agenda de visitas, não emitiram nenhum parecer público, mesmo porque não tinham essa condição de fazer, não era permitido.

Pela postura dos membros que estiveram aqui em Feira de Santana, eu acredito que saíram impressionados com a cidade, com as informações que obtiveram e fatalmente vão emitir um relatório, que deve sair no segundo semestre deste ano. A prefeitura será oficialmente comunicada e o que for solicitado, se estiver dentro das possibilidades do município, dentro daquilo que a administração entende como possível de ser realizado, nós daremos continuidade ao processo.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: [email protected]