Licitação do Ginásio de Esportes do distrito de Humildes terá continuidade nos próximos dias. Confira notícias da PMFS

O processo licitatório para contratar empresa que vai construir o Ginásio de Esportes de Humildes começou nesta quinta-feira (09/02/2012) e terá continuidade nos próximos dias. Duas construtoras de Feira de Santana e Candeias, a Otamerca e Léo Max, respectivamente, estão concorrendo ao certame.

Segundo o presidente interino da Comissão de Licitação, Moisés Moura, o Departamento de Licitações está analisando todas as documentações das duas empresas para dar continuidade à licitação. “Ao concluirmos este trabalho, teremos uma nova data para reabrir o certame e, em seguida, definir a empresa responsável pela obra”, explica.

O equipamento vai ser construído no Loteamento Agnelo Costa e terá capacidade para 300 pessoas, além de infraestrutura para eventos, palco com camarim e estacionamento com 100 vagas para ônibus e veículos. Também vai disponibilizar quadra poliesportiva para a prática de vôlei, basquete e futebol de salão.

Também serão construídos sanitários masculino e feminino, sala para administração e cantina. A expectativa da engenheira civil da Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan), Eliana Machado, é que a obra comece 10 dias após a licitação. A iniciativa é uma realização da Prefeitura de Feira de Santana, em parceria com o Ministério dos Esportes e emenda parlamentar do ex-deputado federal Jairo Carneiro.

Mecanização agrícola para homem do campo

A Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Agricultura e Recursos Hídricos (Seagri), vai licitar a aquisição de tratores e sementes dentro de 15 dias, para atender o homem do campo durante o calendário agrícola. A proposta da Seagri é disponibilizar a mecanização agrícola a partir da segunda quinzena de março para que seja iniciado o plantio.

A iniciativa da secretaria foi informada aos representantes do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural (CMDR) na manhã desta sexta-feira (10/02/2012), durante reunião no Paço Municipal Maria Quitéria com o secretário da Seagri, Ozeny Moraes, e o secretário municipal de Planejamento, José Marcone de Souza.

De acordo com Moraes, a licitação será realizada com base no número de agricultores cadastrados. “Em 2011 nós distribuímos sementes de milho e feijão para 12 mil famílias, mas mesmo após prorrogamos o decreto de situação de emergência não recebemos nenhum suporte. Precisamos conseguir algum recurso até o mês de março”, afirma.

A diretora plena do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Conceição Borges, destacou que o Seguro Garantia Safra deveria ter sido pago em apenas uma parcela. “A perda da safra reflete no preço dos alimentos. Em busca de melhorias para nosso povo, vamos realizar um acampamento nos dias 27 e 28 de fevereiro”, destaca.

Na oportunidade, o secretário de Agricultura também informou que será firmado um novo convênio com a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) para oferecer rede de abastecimento de água a 1.800 famílias do campo. Além disso, diz Moraes, foram levantados recursos para executar a limpeza e ampliação de 50 reservatórios. A empresa será licitada.

“Em 15 dias teremos novos mata burros em Jaguara. Também vamos comprar mais dois tratores, mais de 26 implementos agrícolas e mais dois caminhões carro pipa”, declara o secretário.

A reunião também contou com a presença de representantes da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB), Conselho Regional de Arquitetura, Agronomia e Arquitetura (CREA), Associação Comunidade Maria Quitéria (ACOMAQ) e Associação de Desenvolvimento Sustentável e Solidário da Região Sisaleira (APAEB), além da Associação de Floristas de Feira de Santana.

Bairros de Feira de Santana mais iluminados

Em apenas um dia a Secretaria Municipal de Serviços Públicos (Sesp), através do Departamento de Iluminação Pública, realizou 130 manutenções em braços de luz em diversos bairros de Feira de Santana. Os serviços, realizados durante esta semana, compreendem na troca de lâmpadas, relê, base, reator, conector, dentre outros materiais elétricos.

Segundo o diretor do Departamento de Iluminação, Silvio Moreira, prepostos da Sesp têm atuado diariamente para garantir a eficientização da iluminação pública e atender aos chamados da população. “Devido ao grande número de solicitações feitas através da Central 156 e telefones da Sesp, o prazo para execução dos serviços é de até 72 horas. Estamos atendendo também ao distrito de Humildes, em decorrência das festividades na localidade que acontecem até sábado (11/02/2012)”, assegura.

Silvio Moreira informa ainda que, nos próximos dias, algumas intervenções serão realizadas também no distrito de Bonfim de Feira. “Diagnosticamos os braços de luz que precisam de manutenção para realizar as melhorias necessárias na localidade. A população irá contar também com novos pontos de iluminação nos principais corredores de acesso ao distrito”, afirma.

As intervenções do Departamento de Iluminação Pública já foram executadas nos seguintes bairros: Campo Limpo, Sobradinho, Baraúnas, Jardim Cruzeiro, Gabriela, Sítio Novo, Sitio Matias, Fraternidade, Tomba, Fraternidade, Panorama, Pedra do Descanso, Chácara São Cosme, Jardim Acácia, Sim e Parque Getúlio Vargas.

Os trabalhos contemplaram ainda os bairros Jomafa, Santa Mônica II, Serraria Brasil, Parque Lagoa Subaé, Queimadinha, Parque Ipê, São João, Cidade Nova, Ponto Central, João Paulo VI, Mangabeira, Conceição, Alto do Papagaio, e conjuntos George Américo, José Ronaldo, Feira VII e Feira IX.

Samu registra demanda crescente

250 ligações diariamente. Esta é a demanda registrada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) em Feira de Santana. Entre as ocorrências, orientações médicas e atendimento aos chamados. O órgão disponibiliza uma equipe de mais de 136 profissionais das áreas de saúde e administração, e seis ambulâncias.

Os funcionários se dividem entre 52 técnicos de enfermagem, 46 condutores, 15 enfermeiros e 23 médicos. Na central do órgão, mais servidores dão apoio logístico e administrativo, realizando a triagem dos chamados, para identificar os que merecem prioridade e assim oferecer o menor tempo resposta de atendimento.

A coordenadora do Samu, Maíza Macedo, observa que a equipe trabalha em conjunto para garantir um melhor atendimento às demandas de urgência da população feirense. “Trabalhamos sempre na perspectiva de qualificar o atendimento e abordagem as vítimas e pessoas que necessitam do Samu. Esta é uma meta que buscamos alcançar todos os dias”, destaca.

Segundo Maíza Macedo, seis ambulâncias – cinco Unidades de Suporte Básico (USB) e uma Unidade de Suporte Avançado (USA) operam na cidade. “Nossa demanda é realmente muito grande e tem crescido a cada dia. Desde quando foi implantado, em 2004, que o Samu funciona com seis veículos. Hoje permanece a mesma quantidade, contudo, a realidade na cidade é outra”, afirma.

Ela acrescenta que “existe uma maior quantidade de veículos circulando na cidade, o que implica num maior número de acidentes; além do aumento no consumo de drogas e, consequentemente, mais violência e pessoas feridas por arma de fogo e arma branca”. Todos estes fatores, conforme a coordenadora, interferem diretamente no funcionamento do Samu.

“Estamos atendendo cada vez mais chamados. Nossa frota tornou-se insuficiente, hoje deveríamos operar com nove ambulâncias, mas o Ministério da Saúde ainda não atendeu nossa solicitação. Devido ao volume de atendimentos, a rotatividade dos veículos tem sido grande e sempre estamos atentos aos serviços de manutenções que se tornam necessários”, pontua.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]