Brasil quer ampliar intercâmbio de estudantes e pesquisadores com a Finlândia

Brasil e Finlândia querem expandir a cooperação nas áreas de educação, ciência e tecnologia. A relação entre os dois países foi o tema do encontro do ministro de Relações Exteriores, Antonio Patriota, com o primeiro-ministro da Finlândia, Jyrki Katainen, no Palácio do Itamaraty.

Patriota destacou que a grande delegação finlandesa que acompanha Katainen, composta por cerca de 100 pessoas, entre diplomatas e empresários, demonstra o “grande interesse do país” em investir no Brasil. Entre os empresários finlandeses estão representantes de mais de 60 grandes companhias dos setores de energia, mineração, metais, finanças, portos, transportes, educação e pesquisa.

O Brasil quer estimular o intercâmbio de pesquisadores e estudantes entre os dois países. No caso dos estudantes, Patriota citou o Programa Ciência sem Fronteiras, que financia o estudo de brasileiros em instituições estrangeiras de ensino superior. “Espero que o acordo [de intercâmbios com a Finlândia] seja concluído até o primeiro semestre deste ano”.

Já o primeiro-ministro finlandês disse que o intercâmbio de pesquisadores vai ao encontro “dos nossos interesses e agendas. Compartilhamos as mesmas ideias e defendemos o intercâmbio de conhecimento”.

Ainda hoje, o chefe de Governo da Finlândia se reunirá com a presidenta Dilma Rousseff.

 

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]