Secretaria de Educação da Bahia informa que Sistema de matrícula da rede estadual de ensino volta a funcionar

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia informa que o sistema de matrícula da rede estadual de ensino voltou a funcionar normalmente. A orientação para as escolas é no sentido de assegurar o atendimento a todos estudantes e familiares que estão nas unidades escolares. A matrícula pela internet continua funcionando normalmente para os estudantes oriundos da rede municipal de Salvador e todos os que já são da rede estadual.

Nesta quarta-feira (18), começou a matrícula 2012 para escolas da rede estadual de ensino da Bahia. Até quinta-feira (19), podem se matricular alunos das redes estaduais e municipais, que concluíram a 4ª série (5º ano) ou a 8ª série (9º ano) em 2011. Os estudantes e suas famílias devem procurar qualquer escola do Estado. Tanto pela internet como presencial, o horário de atendimento é das 8h às 20h, sem intervalos. Mais informações pelo telefone 0800 285 8000.

Lista dos documentos necessários para matrícula

Cronograma de matrículas

Secretaria da Educação convoca mais 238 professores aprovados no último concurso

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia faz a terceira convocação de mais 238 professores classificados no último concurso público, realizado no ano passado. O edital sai publicado no Diário Oficial desta quinta-feira, dia 19 de janeiro. A convocação é para atender aos polos da capital e Região Metropolitana. Com essa publicação, a Secretaria totaliza 3.500 professores convocados, número superior às 3.200 vagas previstas no edital do concurso.

Os professores convocados, agora, devem seguir o cronograma estabelecido pelo edital: entrega da documentação, no período de 23 a 27 de janeiro, na Secretaria da Educação do Estado da Bahia (sala 108), no Centro Administrativo, em Salvador, e, posteriormente, realização de perícia na Junta Médica do Estado.

Licenciado em Física, Tarcio Henrique Ribeiro dos Santos, 25 anos, professor nomeado para atuar no Colégio Estadual Helena Matheus, em São Cristóvão, fala de suas expectativas: “Espero fazer meu trabalho da melhor forma possível, aplicando os conceitos teóricos que aprendi na faculdade. Para manter os alunos interessados, a aula tem que ser motivadora. Meu desafio será trabalhar os conceitos da física no cotidiano dos alunos”.

Já o professor de matemática, Celso Henrique Motta Ribeiro, 28 anos, nomeado para o Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, em Camaçari, afirma que, depois de dez anos trabalhando na rede privada, suas expectativas são “as melhores possíveis”. Segundo ele, “é muito bom ingressar na rede pública e trabalhar com jovens que precisam do nosso apoio e depositam suas esperanças na instituição de ensino”.

Ele conta com a criatividade para despertar o interesse dos alunos pelos números. “Pretendo elaborar projetos que ajudem na construção do saber matemático, fazendo com que o aluno se sinta parte do processo de aprendizagem e não apenas um simples espectador. Vou ensinar de forma lúdica e proveitosa”, explicou.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: [email protected]