Saberes docentes na contemporaneidade é tema de Jornada Pedagógica em Feira de Santana. Confina notícias da PMFS

Baseados no tema “Saberes docentes na contemporaneidade”, professores, diretores e funcionários da rede municipal de ensino vão traçar as diretrizes pedagógicas para o ano letivo de 2012, durante a Jornada Pedagógica. O encontro vai acontecer no dia 16 de fevereiro, a partir das 8h, no templo da Igreja Universal do Reino de Deus, situado na Avenida Getúlio Vargas.

Neste ano a comunidade escolar vai assistir à palestra do pedagogo, mestre e doutorando em Educação, Casemiro de Medeiros Campos, autor do livro “Saberes docentes e autonomia dos professores”. A abertura da jornada vai contar com a presença do prefeito Tarcízio Pimenta, secretários municipais e autoridades.

À tarde, às 15h, a Secretaria Municipal de Educação (Seduc) vai passar orientações técnicas, administrativas e pedagógicas à comunidade escolar, além de informar o que está acontecendo na rede, sanar dúvidas e apresentar o calendário letivo. Serão informados, ainda, as funções da Seduc e competência de cada um na escola.

Segundo a chefe da Divisão de Planejamento e Técnicas Pedagógicas da Seduc, Rosana Mary Pérsico, o principal objetivo da jornada é sensibilizar o profissional na sua prática pedagógica. “Esperamos que eles reflitam sobre seu trabalho prático e constituam um olhar crítico sobre si mesmo”, pontua.

Cerca de duas mil pessoas devem participar da jornada, sendo aproximadamente 1.700 profissionais da rede municipal. O secretário municipal de Educação, José Raimundo Pereira de Azevêdo, observa que a jornada é muito importante, pois é a oportunidade de os profissionais traçarem as diretrizes administrativas, pedagógicas e técnicas.

“É o momento que a equipe tem para preparar o ano letivo de 2012 e organizá-lo da melhor forma”, disse. O tema da jornada foi apontado por professores numa enquete realizada pela Secretaria Municipal de Educação. A partir das sugestões o corpo técnico da Seduc organizou o tema e escolheu o palestrante Casemiro de Medeiros.

O pedagogo também é pesquisador na área de educação superior e formação de professores. Além disso, é professor do Curso de Pedagogia e trabalha como chefe da Divisão de Assuntos Pedagógicos da Vice-reitoria de Ensino de Graduação da Universidade de Forteleza. Seu livro está na 4ª edição e estará à venda durante a jornada por R$ 12,00.

Ação do PROCON considerada positiva

“A ação do Procon na Feira do Livro é muito positiva e somos totalmente contrários a venda do livro do professor. Por conta disso, produzimos um banner para fixar no estande, alertando os pais a não comprarem este material”. A declaração é do coordenador da Feira do Livro, Eliseu Nogueira, sobre a vistoria realizada pela Superintendência Municipal de Defesa do Consumidor (PROCON) na última segunda-feira (16/01/2012).

Em fiscalização aos estandes, o superintendente do órgão, Rafael Pinto Cordeiro, recolheu sete livros de uso exclusivo do professor que estavam à venda na feira. Foram retirados exemplares de geografia, gramática, história, ciências e língua portuguesa do Ensino Fundamental, das Editoras Ática, FTD e Atual.

Segundo o coordenador da feira, a ação do Procon poderia ser permanente para evitar a venda irregular. “Mas as vistorias em diferentes horários também funcionam. Só sugerimos que a equipe realize o trabalho sem identificação, para evitar que estes vendedores saiam no momento da fiscalização”, pontua Nogueira.

Ele acrescenta que também há pais comparecendo à feira para revender a foto-cópia de livros usados, o que prejudica o autor e é considerado crime. “Como é que um pai paga caro pela escola e compra livros do professor para o filho? O investimento na instituição de ensino não terá retorno nenhum”, considera.

A Feira do Livro está acontecendo no estacionamento do Paço Municipal Maria Quitéria até o dia 3 de março. O principal objetivo da iniciativa é oferecer livros didáticos e paradidáticos seminovos a valores menores, tanto que há descontos de até 70%.

SMS distribui nova remessa de protetor solar

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) deu início, nesta quinta-feira (19/01/2012), à distribuição de mais uma remessa de protetor solar. Foram adquiridos um total de 3 mil unidades do produto, que vai beneficiar agentes comunitários de saúde e de endemias, além de agentes da Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

O protetor solar é um importante aliado na prevenção de problemas relacionados à pele. A necessidade do uso do produto pelas classes se justifica principalmente porque o desenvolvimento das atividades exige dos agentes a exposição ao sol, durante as visitas domiciliares.

Conforme o secretário de Saúde, Getúlio Barbosa, a disponibilização do protetor solar representa um benefício importante para as classes. Ele lembra que outras conquistas também já foram alcançadas. “Oferecer melhores condições de trabalho para os nossos servidores é uma prioridade. Estamos empenhados em atender as solicitações apresentadas. Prova disso é que no último ano reduzimos a jornada de trabalho das categorias, cedemos novas balanças para os agentes comunitários de saúde, dentre outras melhorias”, salienta.

Para a presidente da Associação dos Agentes de Endemias, Isabel Cristina Gonçalves, o protetor solar representa uma das conquistas alcançadas através das reivindicações da classe. “É sem dúvida um benefício importante e válido. Se proteger dos raios solares neste verão é fundamental. O agente ganhando o protetor já economiza um pouco, não precisa pagar para adquirí-lo”, frisa.

A distribuição dos protetores solares para os agentes de endemias será feita através dos supervisores de frentes, que devem fazer a retirada na Divisão de Vigilância Epidemiológica (Viep) e repassar para os agentes nas áreas de atuação.

Já os agentes comunitários de saúde receberão o produto na unidade de saúde localizada na área em que atua. A reposição do produto está prevista para acontecer a cada 45 dias. Ao todo, serão beneficiados 431 agentes de endemias, 998 agentes comunitários de saúde e 93 agentes da Funasa.

Pré-Vestibular Cidadão vai oferecer 240 vagas

Estudantes da rede pública contam com importante apoio da Prefeitura de Feira de Santana na fase preparatória para ingresso ao ensino superior. O Pré-Vestibular Cidadão, programa da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SEDESO), funciona no anexo da Igreja do Avivamento Bíblico, na avenida Senhor dos Passos, e oferece aulas gratuitas a estudantes carentes.

O programa vai disponibilizar 240 vagas. As inscrições serão realizadas nos dias 13 e 14 de fevereiro, das 07h30 às 13h30, na sede do curso. As provas de seleção acontecem no dia 26 de fevereiro e a divulgação dos resultados está prevista para 13 de março. As aulas terão início no dia 26 de março e serão ministradas de segunda a sexta-feira, das 19 horas às 22 horas.

Poderão se inscrever alunos que concluíram o ensino médio, oriundos de escolas públicas e que residem em Feira de Santana. No ano passado, o Pré-Vestibular Cidadão aprovou 53 alunos na Uefs, dois na Universidade Estadual da Bahia (Uneb) e 1 na Universidade Federal da Bahia (UFBA).

A secretaria municipal Gerusa Sampaio destaca a preocupação da administração municipal em ampliar as oportunidades de acesso de cidadãos com baixo poder aquisitivo às instituições de ensino superior. Ela ressalta que os professores são qualificados e as salas de aula são climatizadas.

“Este programa tem como objetivo capacitar estudantes oriundos do ensino público para concorrer de forma igualitária aos estudantes da rede privada às vagas oferecidas pelas universidades. Os resultados são positivos e vamos continuar investindo na formação de pessoas que mais precisam”, destaca.

Autorizada obra de pavimentação no Campo Limpo

O início da pavimentação a paralelepípedo das ruas Zabelê, Campos Sales, Galpão, Guainais e Trapuí, localizadas no Campo Limpo, foi motivo de muita alegria por parte dos moradores locais. Logo no início da manhã, várias famílias fizeram questão de sair à porta de suas casas para comemorarem o início dos trabalhos.

A dona de casa Edenilda Santos, por exemplo, acompanhou toda a movimentação dos operários e, inclusive, a autorização da obra por parte do prefeito Tarcízio Pimenta. Ela mora na rua Campos Sales há mais de 20 anos e afirma que passou muitos anos esperando pelo calçamento.

“Agora chegou nossa vez de desfrutarmos da pavimentação a paralelepípedo. Preciso varrer a casa três a quatro vezes por dia porque tem muita poeira na rua, mas isso vai diminuir bastante depois que a obra terminar”, considera. A autorização do calçamento também foi celebrada pela dona de casa Cristina de Almeida, moradora da rua Zabelê.

“Ninguém aguenta com a poeira na rua. Minha casa fica na esquina e os problemas são ainda maiores. Quando o tempo esquenta o problema é a poeira e quando chove a dificuldade é com a lama na rua”, conta. A pavimentação será realizada pela Construtora Lima e Silva, contratada pela Prefeitura de Feira de Santana através de licitação pública.

Segundo o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Carlos Alberto Firpo, o prazo para conclusão da obra é de 90 dias. “Vamos utilizar 9.013 metros quadrados de paralelepípedo e 2.670 metros de meio fio. A obra envolve recursos da ordem de R$ 387.021 e deve ser concluída o quanto antes para que a comunidade possa conviver com mais conforto”, pontua.

O ato também contou com a presença do vereador Reinaldo Miranda; secretários municipais de Planejamento, José Marcone Paulo de Souza; e de Serviços Públicos, Alexandre Monteiro.

Licitação para sinalização do CIS

Os trabalhos de sinalização vertical e horizontal do Centro Industrial do Subaé, núcleo do Tomba, serão executados pela empresa Engenor Engenharia do Nordeste LTDA., vencedora da licitação pública promovida pelo Governo do Estado. O resultado da licitação foi divulgado no Diário Oficial da Bahia de 18 de janeiro.

Para realização do serviço serão investidos recursos da ordem de R$ 190 mil. A sinalização está incluída no processo de revitalização do CIS, que envolve recursos da ordem de mais de R$ 1 milhão. Os serviços de recuperação do complexo industrial abrangem, ainda, pavimentação asfáltica em Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ) e sinalização das áreas dos núcleos Limoeiro (BR 324), Aviário (BR 324), Limoeiro e São Gonçalo (Tomba).

As melhorias no CIS atendem a reivindicações do Governo Municipal e classe empresarial. Durante audiência realizada em 23 de novembro de 2011, o prefeito Tarcízio Pimenta solicitou ao vice-governador do Estado, Otto Alencar, o início das obras. As intervenções, como destaca o gestor municipal, vão favorecer o tráfego de veículos, impulsionando os negócios no CIS e, consequentemente, o desenvolvimento econômico do Município.

Diretores avaliam kit escolar

O ano letivo de 2012 será iniciado com mais investimentos na Educação. Neste ano, além do fardamento completo, o Governo Municipal irá distribuir para todos os alunos da rede municipal de ensino kits de material escolar. A iniciativa faz parte dos investimentos da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, que incluem recuperação das unidades escolares e valorização do professor por meio de reajuste salarial e melhoria das condições de trabalho.

Para ajudar na economia familiar e qualificar o ensino-aprendizagem, a Secretaria Municipal de Educação irá distribuir kits diferenciados, conforme a série dos alunos, sendo três tipos de kits que serão entregues aos estudantes da Educação Infantil, Ensino Fundamental I (1º ao 5º ano) e Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano).

“Esta é uma ação pioneira em Feira de Santana, nunca foi distribuído material escolar com tamanha qualidade. Todo o material é personalizado e os cadernos contêm o Hino Brasileiro e de Feira de Santana”, afirma o secretário de Educação, José Raimundo Pereira de Azevedo.

Para a diretora da Escola Monteiro Lobato, Adriana Pereira, a distribuição do material escolar completo gera mais interesse do aluno pelos estudos. “Muitas famílias dos estudantes da rede municipal não tem condições de adquirir cadernos, lápis, hidrocor e outros materiais utilizados no ano letivo, por isso alguns alunos deixam até de estudar”, explica.

A diretora da Escola Comendador Jonathas Teles de Carvalho, Neuma Ribeiro, ressalta a qualidade dos kits. “Achei muito interessante a qualidade do material. É louvável a preocupação do Governo Municipal com a distribuição dos itens que são essenciais no dia-a-dia do aluno”, destaca.

De acordo com Cristina Passos, diretora da Pré-Escola Marina Carvalho, a distribuição de fardamento escolar completo, iniciada em 2011, e do material é um grande avanço na Educação de Feira de Santana. “Os pais não vão ter nenhuma despesa ao matricular o aluno na escola. Muitos deles não têm condições de comprar o material escolar, então os alunos ficavam com esta carência”, afirma.

A professora Lélia Vitor Fernandes, diretora do Departamento de Ensino da Secretaria Municipal de Educação, observa que a distribuição gratuita do material escolar realmente minimiza a questão econômica dos pais. “A distribuição equitativa e diferenciada do kit também é importante porque atende as necessidades de cada série”, pontua.

2 mil mudas de árvores foram plantas do distrito de Bonfim de Feira

Distritos e povoados de Feira de Santana vão receber cerca de duas mil mudas de árvores neste ano. O primeiro distrito a ser contemplado com o projeto de arborização será Bonfim de Feira, nesta quinta-feira (19/01/2012). A iniciativa é uma realização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Semmam), através do Departamento de Educação Ambiental, em parceria com o Departamento de Manutenção de Áreas Verdes e a Secretaria Municipal de Agricultura e Recursos Hídricos (SEAGRI).

Somente em Bonfim de Feira serão plantadas 35 mudas de Jacarandá Mimoso, Sibipiruna, Pata de Vaca e Ipê. Das 35 mudas, 20 estarão distribuídas ao redor de um campo de futebol e 15 nas praças do distrito, entre elas a Praça da Jaqueira.

“Durante trabalho realizado pela Semmam em 2011, a comunidade de Bonfim de Feira solicitou melhorias nas condições das praças. Por isso iniciamos os trabalhos por este distrito”, afirma a educadora ambiental da secretaria, Iva Bastos.

O próximo distrito a receber as mudas será Maria Quitéria, no mês de fevereiro. Após dar início ao projeto piloto, a Secretaria de Meio Ambiente vai realizar um trabalho de educação ambiental com a comunidade, no sentido de os moradores evitarem a presença de animais e fazer a molhação das mudas.

Segundo Iva Bastos, as espécies são nativas e adequadas ao clima do Município, além de possuir grande porte e raízes rasas. “Este trabalho também tem o apoio dos alunos da rede municipal de ensino e visa atender a sede de todos os distritos e povoados de Feira de Santana”, assegura o secretário da Semmam, Antônio Carlos Coelho.

Projeto Verão no Parque começa domingo

Diversão aliada à saúde do corpo. Esta é a proposta do Projeto Verão no Parque 2012, que está em sua 4ª edição, proporcionando à comunidade feirense atividades ligadas à área cultural, esportiva, de lazer e saúde. O evento acontece no Parque da Cidade Frei José Monteiro Sobrinho, localizado no conjunto Feira VII, nos dias 22 e 29 de janeiro, e 05 e 12 de fevereiro.

A iniciativa é promovida pela Secretaria Municipal de Agricultura e Recursos Hídricos (Seagri) em parceria com as secretarias de Saúde, Meio Ambiente, Cultura, Transportes e Trânsito, Educação e Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev).

Segundo o secretário de Agricultura, Ozeny Moraes, “a cada ano o projeto traz novidades para estimular as pessoas a cuidarem da saúde do corpo, desenvolvendo atividades físicas e educativas”. Ele observa que “esta também é mais uma ótima opção de lazer no período de férias”.

Na abertura das atividades, a partir das 9 horas, os educadores vão dar dicas de como se alimentar bem, servindo um café da manhã saudável com frutas tropicais. Além de um dia de lazer, a população irá contar com serviços de saúde, como aferição de pressão, teste de glicemia, além de palestras sobre AIDS, dengue e planejamento familiar.

Feira Cresce, a Gente Cuida

Durante o Projeto Verão no Parque serão realizadas ainda competições esportivas de futebol, handebol, voleibol, basquete, xadrez, dama, dentre outros. Haverá também exibição de vídeos educativos com temas relacionados ao meio-ambiente, oficinas com materiais recicláveis, brincadeiras com as crianças, além da distribuição de 200 mudas frutíferas e ornamentais.

Ainda como parte das atividades, as secretarias municipais de Agricultura e Educação estão promovendo o concurso de redação com o tema “Feira Cresce, a Gente Cuida”. Podem participar estudantes do Ensino Fundamental (6º ao 9º) com faixa etária entre 11 e 14 anos, das redes pública (municipal e estadual) e particular.

Os trabalhos devem ser entregues na Secretaria de Educação até o dia 6 de fevereiro. O texto tem que ser digitado na fonte Times New Romam, tamanho 12, com no máximo 25 linhas, contendo nome completo do aluno e da instituição de ensino, série, idade, endereço e telefone.

O resultado do concurso “Feira Cresce, a Gente Cuida” será divulgado no dia 12 de fevereiro, a partir das 10h, no Parque da Cidade. O aluno que conquistar o primeiro lugar receberá um notebook. Já o segundo lugar ganhará um kit contendo três livros de literatura e o terceiro lugar receberá dois livros de literatura. Mais informações sobre o Projeto Verão no Parque da Cidade através dos telefones (75) 3616-5168 e (75) 3221-5079.

Melhorias no Jóia comemoradas na estreia do Baianão

A primeira rodada do Campeonato Baiano 2012 em Feira de Santana foi iniciada nesta quarta-feira (18) sob muitas expectativas e comemorações. Além de acompanharem a estreia em campo do Fluminense de Feira, que empatou com o Juazeirense (1 x 1), torcedores, autoridades e imprensa puderam conferir de perto as melhorias que foram executadas pela Prefeitura de Feira de Santana no Estádio Municipal Alberto Oliveira, o Jóia da Princesa.

Para o jornalista Cristiano Alves, editor chefe do jornal Folha do Estado e assessor do Fluminense, as intervenções que contemplaram toda a área do estádio eram esperadas há uma década. “Há 10 anos trabalho fazendo a cobertura das partidas e esta é a primeira vez que vejo uma intervenção mais completa acontecer. Nas cabines de imprensa sofríamos com as infiltrações no teto. Em épocas de chuva era arriscado trabalhar, sem contar no risco também de danificar os equipamentos”, lembrou.

As melhorias foram destacadas também pelos delegados da Federação Bahiana de Esportes. Segundo o assessor de arbitragem Belmiro Silva, os serviços de recuperação foram além do esperado. “Hoje presenciamos uma outra realidade no estádio. Toda a instalação física foi recuperada, como o vestiário de árbitros e jogadores, a arquibancada e o alambrado”, pontuou.

Com a instalação das 16 câmeras de monitoramento, a segurança de atletas, torcedores, desportistas e profissionais da imprensa foi reforçada. De acordo com o capitão Francisco Júnior, subcomandante da 65ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), que é responsável pelo policiamento do Jóia da Princesa, o sistema de videomonitoramento vai permitir uma ação mais eficaz.

“As câmeras dão um apoio muito válido ao trabalho da PM. Com estes equipamentos, o serviço se tornará mais eficiente, tendo em vista que a atuação dos policiais será diretamente no foco do problema. Não haverá mais necessidade do torcedor se dirigir a uma das guarnições para indicar pontos do estádio onde houve delitos. Com o monitoramento das imagens, é só entrar em contato via rádio com a guarnição mais próxima, que vai agir com mais rapidez e resolver o problema”, considerou.

O prefeito Tarcízio Pimenta acompanhou a partida ao lado do secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Euclides Artur; diretor de Esportes, Wilson Passos e do secretário da Fazenda, Wagner Gonçalves. A disputa entre Fluminense de Feira e Juazeirense também foi prestigiada pelo secretário Ozeny Moraes (Agricultura e Recursos Hídricos), Mizael Freitas (Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos) e superintendente do Procon, Rafael Cordeiro.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]