Em Feira de Santana, termina neste sábado matrícula dos novos alunos para a Rede Municipal de Ensino. Confira notícias da PMFS

Termina neste sábado (28/01/2012) a matrícula dos alunos novos para a Rede Municipal de Ensino. Com a informatização, o processo é muito mais fácil e ágil tanto para as famílias dos estudantes quanto para os gestores das escolas municipais. Diariamente, o Portal Matrícula Fácil (www.matriculafacil2012.com.br) recebe aproximadamente mil consultas e mais de 1.600 alunos já garantiram suas vagas em uma das 207 escolas municipais. A página já recebeu consultas até mesmo de outros estados, como o Rio de Janeiro.

Pela internet, acessando a página de qualquer lugar, o aluno, pais ou responsável pode fazer a pré-matrícula e garantir sua vaga. Neste caso, é dado um prazo de até 48 horas para que os documentos necessários sejam apresentados na escola escolhida ou em um dos 33 postos oferecidos pela Secretaria Municipal de Educação.

Os documentos necessários são certidão de nascimento ou carteira de identidade, comprovante de residência, atestado de transferência (para o caso de alunos oriundos de outras escolas) e o documento de identificação Social (NIS) se a criança for beneficiada pelo Programa Bolsa Família.

No portal é possível também verificar o número de vagas disponibilizadas em cada escola, por série, inserir o nome e o número de documento de identificação dos alunos, além de e-mail e telefones para contato. Caso a escola escolhida não disponha de vagas, o pai ou responsável devem preencher uma ficha com seus dados para receber atendimento especializado dos atendentes do sistema que informam outras possibilidades.

“Nossos atendentes têm acesso a todas as vagas oferecidas pelas escolas. Quando é necessário, eles contatam a família e informam onde a vaga está disponível, garantindo atendimento mais rápido possível”, explica Anailton Gomes, gerente de Projetos do Sistema de Educação Digital.

A vice-diretora da Escola Municipal Jonathas Teles de Carvalho, Geroneuza Cerqueira do Espírito Santo, diz que a informatização da matrícula garante comodidade às famílias, evitando muitas vezes a necessidade de se deslocar de um bairro para outro. “Se os pais desejarem é possível garantir a vaga sem ir pessoalmente à escola. Basta se dirigir a um dos 33 postos oferecidos pela Prefeitura. Também já não é necessário se preocupar em chegar à escola muito cedo, achando que não vai encontrar a vaga”, avalia.

Feijão está mais caro para o consumidor feirense

O consumidor feirense está pagando mais caro pelo feijão carioca. Tanto nas prateleiras dos supermercados quanto no Centro de Abastecimento, o aumento pôde ser observado pela equipe do Núcleo de Informações e Pesquisas Econômicas e Sociais (NIPES), da Secretaria Municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico (SETDEC). A pesquisa de preço foi realizada entre os dias 23 e 25 de janeiro, em visita aos supermercados Bom Preço, G Barbosa, J Santos e ao Centro de Abastecimento.

O feijão que podia ser encontrado no Centro de Abastecimento com variação de preço de R$ 2,40 a R$ 4,50, agora é encontrado por R$ 2,80 a R$ 4,50. O entreposto comercial ainda é o local com menor preço do produto. Os supermercados Bom Preço e G Barbosa apresentaram um grande percentual de aumento.

O item que era comercializado no Bom Preço com valor entre R$ 2,49 a R$ 4,89 agora passa a custar R$ 3,75 a R$ 4,39. Já no G Barbosa, o feijão variava de R$ 1,78 a R$ 3,61 e agora é vendido com valores que vão de R$ 3,78 a R$ 5,54.

O preço da farinha de mandioca tem se mantido praticamente o mesmo. No Centro de Abastecimento o quilo do produto é vendido por R$ 1,40 a R$ 2,60. Nos supermercados, o mesmo item sofreu aumento significativo. No Bom Preço, o quilo da farinha de mandioca é comercializado por R$ 1,78 a R$ 3,62, enquanto no G Barbosa a variação é de R$ 1,98 a R$ 2,85 e no J Santos o preço vai de R$ 189 a R$ 3,69.

O NIPES realiza levantamento de preço da cesta básica toda semana. São observados itens como frutas, verduras, cereais, carnes e peixes.

Atendida solicitação dos moradores da Brasília

As ruas Da Paz, D. Pedro I, Caramuru e Fernando Ferrari, no bairro Brasília, começaram a ganhar um novo aspecto a partir desta quarta-feira (25/01/2012). A Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESP), assumiu o compromisso de aperfeiçoar as condições de limpeza, iluminação e poda de árvores da localidade na noite terça-feira (24/01/2012), ao entregar a Rua Cristóvão Barreto recuperada e sinalizada.

Somente na Rua Da Paz está sendo executada a poda de árvores, varrição e sacheamento, além da troca de potência das lâmpadas de 70 para 400 watts e de 250 para 400 watts. Também foi iniciada a instalação de novos pontos de luz e substituídos os braços de um metro por três metros para aumentar a luminosidade, segundo o diretor do Departamento de Iluminação Pública da SESP, Silvio Moreira.

“Além disso, vamos colocar grama no canteiro da rua para melhorar o aspecto visual. Esperamos que a comunidade deixe de jogar lixo nos canteiros”, disse o secretário municipal de Serviços Públicos, Alexandre Monteiro. A rua Caramuru, por sua vez, recebeu pintura de meio fio, limpeza e sacheamento, enquanto foi realizada limpeza e implantada a coleta de lixo na D.Pedro I. A SESP também vai atuar na Fernando Ferrari.

Para o morador da Rua Da Paz, o comerciante Jefferson Alves, os serviços trarão muitos benefícios à comunidade. “Nossa rua já era escura e, com a copa das árvores grandes, era pior ainda. Solicitamos estas melhorias há muito tempo, pois os moradores precisavam dos serviços”, disse.

950 Carteiras de Trabalho emitidas em 16 dias, na Casa do Trabalhador

Inaugurado no último dia 09 de janeiro, o setor de emissão de Carteira de Trabalho, instalado na Casa do Trabalhador, já contabiliza 950 documentos emitidos para cidadãos de Feira de Santana e região. Até o momento já foram entregues 275 documentos e outros 230 já estão prontos.

A diretora da Casa do Trabalhador, Graça Cordeiro, informa que 376 carteiras já estão sendo confeccionadas na Gerência Regional do Trabalho e Emprego em Feira de Santana. Segunda ela, existem algumas com pendências de informações.

“Algumas pessoas possuem dois números de PIS, por exemplo, e outros problemas que impedem a emissão imediata do documento. Quando identificamos o problema, orientamos o cidadão a regularizar a situação e retornar à Casa do Trabalhador. A partir daí encaminhamos novamente a documentação para a Gerência para confecção da Carteira de Trabalhador”, explica.

O secretário municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Magno Felzemburgh, destaca a demanda de carteiras emitidas diariamente. Segundo ele, a expectativa era de que fossem emitidos 50 documentos por dia. “Já chegamos a emitir até 100 Carteiras de Trabalho por dia. O setor conta com quatro funcionários devidamente treinados para a realização do serviço e mais três funcionários na Gerência atuando na confecção das carteiras”, ressalta.

O serviço é viabilizado pela Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico (SETDEC) em parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).A Casa do Trabalhador está localizada na rua Castro Alves, 894, Centro. Mais informações pelo telefone (75) 3602 2005.

PROCON recomenda cumprimento de leis

Visando garantir os direitos do consumidor, a Superintendência Municipal de Defesa do Consumidor (PROCON) enviou recomendação às agencias bancárias instaladas em Feira de Santana para que se adequem às determinações previstas em lei. As empresas têm 30 dias para cumprirem a legislação.

De acordo com o superintendente do PROCON, Rafael Pinto Cordeiro, as instituições devem disponibilizar assentos, em quantidade suficiente, destinados a idosos, gestantes, mulheres portando crianças de colo e pessoas portadoras de necessidades especiais, que aguardem nas filas dos caixas reservados para atendimento preferencial.

“Esta lei tem como objetivo oferecer conforto ao público que tem direito a atendimento preferencial. A disponibilização de bancos, cadeiras, enfim, vão permitir que os clientes como idosos, gestantes, portadores de deficiências aguardem com mais comodidade o atendimento”, destaca Rafael Cordeiro. O descumprimento desta lei ocasionará em multa no valor de R$ 10 mil.

As agências também estão sendo recomendadas a instalar, como determina a Lei Municipal número 3.067/2010, um painel opaco entre os caixas e os clientes em espera. Equipamento, como explica Rafael Cordeiro, contribui para o combate à prática da “saidinha bancária”.

“O painel opaco impede que o cliente que está sendo atendido no caixa seja observado por terceiros. Esta ação visa garantir mais segurança aos clientes. Caso as instituições financeiras não se adequem às normas em um prazo de 30 dias vamos aplicar as penalidades previstas em cada lei”, ressalta.

Sorteio do residencial Figueiras realizado nesta quinta-feira. Famílias comemoram casa própria

Moradia própria com dignidade para famílias com baixo poder aquisitivo. Esta é a principal proposta do programa Minha Casa, Minha Vida, promovido através de parceria entre os governos Municipal, Federal e Estadual. Nesta quinta-feira (26/01/2012), 420 famílias participaram do sorteio para os apartamentos do Residencial Figueiras, instalado na Avenida Iguatemi no bairro Mangabeira. Os beneficiários vão realizar a vistoria dos imóveis, no período de 01 a 06 de fevereiro.

Durante o sorteio, realizado no Ginásio de Esportes Joselito Amorim, o clima foi de alegria e satisfação entre os contemplados, que tiveram a oportunidade de escolher o andar do apartamento onde vão residir. Os imóveis, com área de 43,62 metros quadrados, possuem dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço.

O condomínio oferece estrutura de lazer com quadra esportiva, quiosque e parque infantil. O prefeito Tarcízio Pimenta destacou o crescimento do Programa, ampliando o acesso à moradia digna a cidadãos com renda familiar bruta de zero a três salários mínimos. Segundo ele, ainda existem mais de 3.700 unidades habitacionais para serem entregues no Município através do Minha Casa, Minha Vida.

“Em apenas dois dias sorteamos 860 apartamentos e é grande a satisfação em ver estas pessoas realizando sonho da casa própria, ganhando a oportunidade de morar com dignidade. Nos próximos dias vamos autorizar novo cadastramento dando oportunidade para mais pessoas que precisam adquirir uma casa”, ressalta.

O primeiro sorteado, Cícero Basílio Dantas, se emocionou ao entregar a documentação para agendar a vistoria de sua casa. “Trabalhei muito durante estes anos para tentar juntar um dinheiro para comprar uma casa. Mas quem vive de aluguel nunca consegue ter dinheiro. Este dia vai ficar em minha lembrança como o dia em que alcancei a maior benção”, declara.

A dona de casa Alderice da Silva Nascimento, contemplada com uma das 420 unidades do Residencial, comemorou a conquista. Ela revela que mesmo antes de receber as chaves do apartamento já vai começar a preparar a mudança. “Esta é mais uma benção que Deus derramou em minha vida. Hoje começo a contar os dias para parar de pagar aluguel. Já vou começar a arrumar minhas coisas para quando receber a chave da minha casa e me mudar imediatamente”, afirma.

Como explica o secretário municipal de Habitação, Gilberto Ruy Souza, o valor da parcela do imóvel refere-se a 10% da renda familiar. O prazo para quitação das parcelas é de 120 meses. “Os beneficiários pagarão o valor mínimo de R$ 50. Vale ressaltar que os moradores não poderão fazer nenhuma modificação na estrutura do imóvel. Também, não poderão vender, alugar ou emprestar o apartamento”, informa.

Estiveram presentes os secretários municipais Magno Felzemburgh (Turismo e Desenvolvimento Econômico), Nivaldo Vieira (Relações Interinstitucionais), Carlos Firpo (Desenvolvimento Urbano), Rafael Cordeiro (PROCON), deputado federal Fernando Torres e deputado estadual José de Arimatéia.

Saltos de asa delta no Morro de São José

A construção da plataforma para saltos de asa delta no Morro de São José, distrito de Maria Quitéria, será autorizada pelo prefeito Tarcízio Pimenta na manhã deste domingo (29/01/2012), às 9 horas. O projeto Voo Livre será uma ótima opção de lazer com estímulo à prática de decolagem de parapente, balonismo e planador.

Na primeira etapa da obra estão inclusas a construção de uma estrada com 4.200 metros e passeio lateral para dar acesso ao morro de São José, mirante, estacionamento com 40 vagas, sanitários, reservatório para captar água das chuvas e dá suporte aos sanitários, além de contar com energia solar.

De acordo com o secretário municipal de Agricultura e Recursos Hídricos, Ozeny Moraes, o projeto vai dar grande visibilidade ao Município, movimentar a economia e trazer turistas de todo o país para a prática do Voo Livre. “É um projeto muito importante, visto que o Morro de São José é o mais alto na Bahia e o terceiro maior do Brasil para a prática desse esporte”, ressalta Moraes.

Este aspecto, acrescenta o secretário, pode levar a cidade a sediar etapas nacionais do voo livre de asa delta, parapente, planador e até mesmo balonismo. A obra será executada pela Construtora Vasco Marinho Ltda., contratada pela Prefeitura de Feira de Santana através de licitação pública, e a primeira etapa está orçada no valor de R$ 580 mil.

“O acesso ao morro, por onde vai passar esta estrada, tem muitas pedras e lajedos. Isso vai requerer um tempo maior na construção da estrada por cima da serra. Então, acredito que a obra deve estar concluída em no mínimo 180 dias”, considera o secretário de Agricultura.

A tendência, acrescenta ele, é levar rede de abastecimento de água e energia elétrica à serra, justamente através das minações existentes no local. Há possibilidade, inclusive, de serem construídas pousadas no morro para desenvolver a economia do Município e do próprio distrito.

SEPREV esclarece dúvidas sobre PROJET

Esclarecer dúvidas e atrair jovens em situação de risco ou vulnerabilidade social. É com estes objetivos que a Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (SEPREV) deu início à agenda de reuniões com movimentos sociais para explanação sobre o Projeto de Atenção aos Jovens em Território de Vulnerabilidade (PROJETO).

A iniciativa começou nesta quarta-feira (25/01/2012), no bairro Campo do Gado Novo. As reuniões são comandadas pela Comissão Técnica e Pedagógica do Projeto. Nesta quinta-feira (26/01/2012), será a vez da comunidade do conjunto Feira X conhecer mais detalhes sobre o programa. A reunião está agendada para as 19h30 na Associação José Sarney, localizada na Praça do Skate.

Na próxima terça-feira (31/01/2012), a comissão esclarece as dúvidas da comunidade do conjunto Viveiros durante encontro no Centro Comunitário do Bairro, a partir das 19h30. A última reunião está prevista para o dia 03 de fevereiro, às 19h30, na Associação Comunitária União e Progresso na Rua Jacuizinho, n° 113, no bairro Pedra do Descanso.

O Protejo está com inscrições abertas até o dia 10 de fevereiro. Podem se inscrever pessoas de ambos os sexos, com faixa etária entre 15 e 24 anos. As inscrições, iniciadas no último dia 12, estão sendo realizadas na sede da SEPREV, situada na Rua Castro Alves, 1038, Centro.

Novo uniforme para agentes de trânsito

Os agentes municipais de trânsito de Feira de Santana terão um novo uniforme a partir da próxima terça-feira (31/01/2012). A apresentação oficial acontecerá às 7h30, no pátio da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT). O fardamento foi instituído por meio de portaria, que será publicada nesta quinta-feira (26/01/2012).

De acordo com o secretário municipal de Transportes e Trânsito, Flailton Frankles, a criação do novo uniforme visa valorizar o servidor e, ao mesmo tempo, acompanhar a padronização que existe nos grandes centros urbanos do país. Ele diz ainda que a iniciativa atende reivindicação dos próprios agentes.

“O novo uniforme é mais humanizado e confortável”, afirma o secretário, destacando que o modelo adotado segue o padrão dos fardamentos dos agentes de trânsito no âmbito nacional. “Os agentes estarão mais motivados e certamente vão interagir melhor com a comunidade”, prevê Flailton Frankles.

O fardamento que será adotado, nos modelos feminino e masculino, segue duas padronizações. O Operacional Básico, para uso em operações diárias, é composto por calça verde escuro; camisa de algodão verde claro, com detalhes em fita reflexiva e em verde escuro; gorro com pala verde escuro; bota cano curto, preta; cinto de guarnição preto; e porta talão preto.

O uniforme Especial Passeio, para ser usado em formaturas, desfiles e solenidades em geral, é formado por calça social verde escuro; camisa de algodão verde claro, com detalhes em fita reflexiva e em verde escuro; gorro com pala branca; sapatos social cor preta; cinto preto.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]