Em Feira de Santana, casa situada no bairro Cidade Nova acumulava 2 toneladas de lixo. Confira notícias da PMFS

Uma força tarefa desencadeada na manhã desta sexta-feira (20/01/2012) retirou do interior de uma residência situada na Rua E, 14, no bairro Cidade Nova, cerca de duas toneladas de lixo. A ação envolveu a Defesa Civil, Vigilância Epidemiológica, Secretaria Municipal de Serviços Públicos e Guarda Civil Municipal. A situação foi denunciada por moradores da localidade através do 156, serviço disponibilizado pela Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (SEPREV).

A proprietária do imóvel autorizou a retirada do lixo. Foram utilizadas duas caçambas para a remoção. A ação foi acompanhada pela assistente social da Vigilância Epidemiológica, Ana Paula Soares Silva. Ela diz que a suspeita inicial é que a dona da casa sofra de transtornos mentais.

“Vamos encaminhá-la a um CRAS para que essa pessoa receba o tratamento devido. Certamente ela sofre de algum transtorno, o que vem a fazer com que ela acumule todo esse lixo dentro de sua casa. Pelo que conversamos com os vizinhos essa situação existe há vários anos. Conversamos com a proprietária da casa e conseguimos convencê-la a retirar todo o lixo”, ressaltou a assistente social.

O coordenador da Defesa Civil, Luiz Américo Soares, observa que o acúmulo de lixo pode ocasionar a proliferação de insetos e animais peçonhentos, além do risco de incêndio. “A comunidade acionou a Defesa Civil, através do 156, e de prontidão viemos atender essa solicitação a fim de evitar maiores problemas para a moradora da residência, bem como para a vizinhança”, ressaltou.

O material recolhido foi encaminhado ao aterro sanitário. “Estamos observando também os materiais que podem ser reciclados, dando importância à sustentabilidade. A Defesa Civil está disponível à sociedade e pode ser acionada através do 156”, destaca Luiz Américo.

Crianças dos distritos participam de concurso

Estudantes do 6º ao 9º ano que residem na zona rural de Feira de Santana também vão participar do concurso de redação Feira Cresce, a Gente Cuida. A iniciativa faz parte das atividades do Projeto Verão no Parque, que começa neste domingo (22/01/2012), no Parque da Cidade Frei José Monteiro Sobrinho.

Todos os alunos dos oito distritos serão comunicados sobre o concurso através da direção das escolas, que será informada pelos administradores. Eles receberam mais informações referentes ao Feira Cresce, a Gente Cuida na manhã desta sexta-feira (20), durante reunião com o secretário municipal de Agricultura e Recursos Hídricos, Ozeny Moraes, no Paço Municipal Maria Quitéria.

O concurso contará com a participação de alunos com faixa etária entre 11 e 14 anos, das redes pública (municipal e estadual) e particular. Os trabalhos devem ser entregues na sede da Secretaria de Educação até o dia 6 de fevereiro. Conforme as normas do concurso, o texto deve ser digitado na fonte Times New Roman, tamanho 12, com no máximo 25 linhas, contendo nome completo do aluno e da instituição de ensino, série, idade, endereço e telefone.

Segundo o secretário Moraes, o resultado será divulgado no dia 12 de fevereiro, a partir das 10h, no Parque da Cidade. O aluno que conquistar o primeiro lugar receberá um notebook. Já o segundo lugar ganhará um kit contendo três livros de literatura e o terceiro lugar receberá dois livros de literatura.

“No dia das crianças saberem o resultado, 12 de fevereiro, vamos disponibilizar ônibus aos distritos, para que as crianças venham ao parque. O concurso é uma maneira de motivar a criançada a estudar e ler no período das férias, além de dar a oportunidade para que tenham um domingo interessante com sua família”, considera o secretário.

O Projeto Verão no Parque vai contar, ainda, com a participação das Secretarias Municipais de Saúde (SMS), Meio Ambiente e Recursos Naturais (Semmam) e Cultura, Esporte e Lazer (Secel) nos dias 22 e 29 de janeiro, e 05 e 12 de fevereiro. Na oportunidade, serão realizadas competições esportivas de futebol, handebol, voleibol, basquete, xadrez, dama, dentre outros.

Haverá também exibição de vídeos educativos com temas relacionados ao meio-ambiente, oficinas com materiais recicláveis, brincadeiras com as crianças, além da distribuição de 200 mudas frutíferas e ornamentais. Mais informações sobre o Projeto Verão no Parque da Cidade através dos telefones (75) 3616-5168 e (75) 3221-5079.

Apreensão de veículos por descarte irregular de lixo

Multa de até R$ 1.300 por desobediência à Lei Municipal

O descarte irregular de lixo e entulho em locais inadequados é proibido por lei. No entanto, a prática ainda é bastante comum em Feira de Santana. Somente na manhã desta sexta-feira (20/01/2012), fiscais da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESP) identificaram um veículo Fiat Uno na cor branca, de placa KIA – 9514, e uma carroça, que despejavam resíduos de construção civil em um terreno às margens da avenida Eduardo Fróes da Mota (Anel de Contorno), no bairro Sobradinho.

Os condutores foram multados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), por descarte ilegal em área da União e, em seguida, os materiais foram encaminhados para o aterro sanitário do Município. Já os veículos foram recolhidos para o pátio da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT). A multa aplicada para a infração varia de R$ 1.000,00 a R$ 1.300,00.

De acordo com o Art.106 da Lei Municipal 1613/92 é de competência exclusiva dos proprietários ou inquilinos a remoção de resíduos de fábricas e oficinas, restos de materiais de construção, entulhos provenientes de demolições e outros resíduos das casas comerciais. A medida visa manter a higienização das habitações e terrenos.

Conforme o secretário de Serviços Públicos, Alexandre Monteiro, as fiscalizações para coibir o descarte de material em local impróprio são realizadas diariamente. Ele observa que a ação conjunta dos fiscais da SESP e a própria comunidade fortalecem ainda mais o trabalho.

“Este é um serviço árduo que necessita, principalmente, do apoio da população denunciando este tipo de crime ambiental. Por isso, é necessário que todos colaborem para que possamos manter a cidade cada vez mais limpa”, ressalta.

Alexandre Monteiro destaca que esse tipo de trabalho também faz parte das ações desenvolvidas pela Sesp, através da campanha “Sujou? Limpou!”, em parceria com a Guarda Civil Municipal, Centro de Zoonoses e Secretarias Municipais de Transportes e Trânsito (SMTT) e de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (SEPREV).

Na segunda-feira (16/01/2012), a Guarda Municipal flagrou um caminhão descartando isopor e materiais do gênero no mesmo local. Os prepostos acionaram a PRF e SMTT, resultando em multa e apreensão do veículo. A comunidade pode denunciar o descarte de lixo em local inapropriado através do número 156, disponibilizado pela SEPREV, ou enviar e-mail para o endereço eletrônico [email protected]

Mais de 100 inscritos no Programa de Atenção aos Jovens em Território de Vulnerabilidade (Protejo)

O Governo Municipal, em parceria com o Ministério da Justiça, vai promover o resgate social de jovens em situação de risco e vulnerabilidade social através do Programa de Atenção aos Jovens em Território de Vulnerabilidade (Protejo). O programa vai oferecer oficinas, cursos e atividades complementares de formação sócio jurídica, cultural, esportiva e profissionalizante para 200 jovens com idade entre 15 e 24 anos.

Para participar basta se inscrever até o dia 24 (terça-feira) na Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (SEPREV), na Rua Castro Alves, 1038, Centro, das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas. As inscrições são gratuitas.

Até o momento, mais de 100 candidatos já confirmaram a inscrição para o processo de seleção. De acordo com a coordenadora de Projetos da SEPREV, Luciana Flores, os órgãos e entidades de assistência social e jurídica assim como associações de bairros estão sendo convocados a reforçarem a divulgação do Programa.

“O Protejo vai oferecer assistência a indivíduos egressos do sistema prisional, vítimas de violência, em situação de risco ou vulnerabilidade e que residam em bairros como Feira X, George Américo, Jussara e adjacências. A proposta é promover a formação profissional e a reinserção social destes jovens, que irão receber bolsa mensal no valor de R$ 100 durante 12 meses”, explica.

O resultado da primeira etapa de seleção será divulgado em 31 de janeiro. A segunda etapa, que será realizada no período de 31 de janeiro e 8 de fevereiro, consiste em entrevista, avaliação da situação do candidato, prova documental e visitas domiciliares. O início da formação está previsto para 24 de fevereiro.

Mutirão para solucionar problemas no Residencial Santa Bárbara

Um mutirão visando solucionar os problemas enfrentados por moradores do Residencial Santa Bárbara, empreendimento do Programa Minha Casa, Minha Vida, situado no bairro Mangabeira, será realizado na localidade na próxima quarta-feira (25/01/2012). A ação foi definida durante uma reunião entre autoridades e residentes do empreendimento na manhã desta sexta-feira (20/01/2012).

Participaram do encontro o secretário municipal de Habitação, Gilberto Ruy Souza; o deputado estadual, José Neto; o gerente regional da Embasa, Onias Neto; o diretor de Habitação da Conder, Ubiratan Cardoso; o superintendente regional da Caixa Econômica Federal, José Raimundo Cordeiro Júnior; além de representantes da Coelba e Governo do Estado.

Uma unidade móvel da Coelba também foi instalada no residencial nesta manhã para prestar atendimento aos moradores. Entre as reclamações estão os valores altos cobrados na conta de energia elétrica. A mesma situação é constatada nas contas de água. Os moradores também reclamam de problemas estruturais nas moradias e a ausência de serviços como correios, postos de saúde, escolas, dentre outros.

O secretário Gilberto Ruy assegurou aos moradores a intervenção da construtora para fazer os reparos necessários nos imóveis que apresentam defeitos na estrutura. “Um engenheiro encaminhado pela Caixa já esteve no empreendimento para fazer o levantamento e a empresa dependia de um espaço para guardar os materiais para iniciar os serviços. Tudo isso já foi definido e as intervenções serão executadas”, garantiu. A empresa responsável pela obra é a FM Construtora.

O superintendente da Caixa, José Raimundo Júnior, chamou a atenção para as obras de ampliação que estão sendo executadas pelos moradores de algumas unidades sem nenhuma autorização. “Essas intervenções podem comprometer a estrutura tanto dos imóveis das pessoas que estão executando, como dos vizinhos. A Caixa vai apurar essa situação e notificar os responsáveis”, salientou.

O deputado estadual José Neto destacou que todas as solicitações dos moradores serão analisadas individualmente durante o mutirão, na próxima quarta-feira. “Todos os órgãos e secretarias municipais envolvidas neste processo estarão representadas aqui para dar respostas e soluções a todos os problemas”, ressaltou.

Projeto: Em janeiro, no MAP todo sábado é show, traz o cantor Márcio Alves para animar o público

O romantismo do cantor Márcio Alves vai invadir o Mercado de Arte Popular (MAP) neste sábado (21/01/2012), a partir do meio dia, durante o projeto “Em janeiro, no MAP todo sábado é show”. O público será animado aos ritmos do arrocha e forró.

A iniciativa da Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico (SETDEC), tem como objetivo oferecer mais uma opção de lazer a moradores e turistas e incentivar os negócios no MAP.

O projeto foi aberto no dia 14 com apresentação da banda de pagode Sem Mais Nem Menos. O encerramento da edição de janeiro será comandado pela cantora de samba Maryzélia.

Conforme o secretário municipal Magno Felzemburgh (SETDEC), a programação musical no Mercado será estendida para os meses de fevereiro e março. “O nosso propósito é divulgar e movimentar o espaço, que é ponto turístico de Feira de Santana. Estamos programando a agenda de shows com cantores de reggae, chorinho e samba. Todos estão convidados a participar e prestigiar a cultura regional”, informa.

Prorrogada situação de emergência nos distritos

Em razão das estiagens que atingiram áreas dos distritos de Feira de Santana, o Governo Municipal prorrogou o prazo de “situação de emergência” por mais 60 dias. O decreto 8.378, de 19 de setembro de 2011, considera a permanência das condições climáticas nos distritos de Maria Quitéria, Matinha, Jaguara, Bonfim de Feira, Tiquaruçu, Jaíba, Humildes e Governador João Durval Carneiro (antigo Ipuaçu).

O Relatório de Amostragem do Programa Garantia Safra do Município de Feira de Santana (SAFRA 2010-2011) apontou perdas na safra de grão superior a 70%, provocadas pelas estiagens na fase de floração e maturação das sementes de feijão e milho. O decreto publicado no dia 23 de setembro de 2011 completou quatro meses nesta quinta-feira (19/01/2012), mas ainda não voltou a chover com normalidade.

Segundo o secretário municipal de Agricultura e Recursos Hídricos, Ozeny Moraes, o homem do campo ainda está sofrendo com o período de seca no Município. “Não aconteceram nem as chuvas de trovoada. Com isso, não houve caju e a produção esperada de manga e acerola como nos anos anteriores”, ressalta.

Ele acrescenta que a Prefeitura de Feira de Santana ainda está aguardando a ajuda do Governo Federal, com o fornecimento de cesta básica e recursos para limpeza de tanques e estradas. “Hoje nós temos 600 cisternas sem água porque não houve chuva”, declara. Há quatro carros pipas trabalhando de segunda-feira a sábado nos oito distritos, mas este número não atende a necessidade, conforme Ozeny.

Outra necessidade, destaca ele, é a liberação de mais parcelas do Seguro Garantia Safra, que começou a ser pago nesta semana. Na última safra de inverno, em 2011, o Governo Municipal atendeu 12 mil pequenos agricultores com a distribuição de sementes e mecanização agrícola. No entanto, declara Moraes, apenas cerca de 2.600 aderiram ao Garantia Safra por problemas na documentação. A publicação foi divulgada em jornal de circulação local nesta sexta-feira (20/01/2012).

Rede municipal possui 75 escolas informatizadas

Mais de 34% das escolas municipais de ensino encontram-se totalmente informatizadas. Isto significa que 75 das 214 instituições escolares da sede e zona rural dispõem de internet banda larga através do Programa Feira Cidade Digital. O programa é implantado pela Fundação Cultural Municipal Egberto Tavares Costa.

Segundo o assessor de Informática da Prefeitura de Feira de Santana, Verlânio Gallindo, o programa contempla professores e alunos que estudam nas escolas de Governador João Durval Carneiro (antigo Ipuaçu), Bonfim de Feira, Jaíba, Humildes, Matinha, Jaguara e Maria Quitéria.

Na sede de Feira de Santana o Cidade Digital também está disponível nas Escolas Municipais Ana Brandoa, localizada no Tomba; Ana Maria Alves dos Santos, Muchila; Dr. Clóvis Ramos Lima, Parque Ipê; Centro Integrado de Educação Municipal Professores Joselito Falcão de Amorim, Centro; e Centro Municipal de Educação Infantil José Raimundo Pereira de Azevêdo, no Tomba.

Já o Sistema Educação Digital, implantado em todas as escolas municipais, permite o lançamento de notas e frequência dos alunos através do Portal do Aluno, além de informar a falta dos estudantes em sala de aula ao Programa Bolsa Família. Ao encerrar o ano letivo de 2011, os professores preencheram todas as atas através do sistema, em vez de realizar o processo manualmente.

Além disso, o sistema assegura a pré-matrícula dos alunos via internet. Através do Educação Digital são coletadas todas as informações necessárias para a realização da inscrição, o que agiliza o processo de matrícula sem perda de tempo para a escola e pais.

Sorteio do Minha Casa, Minha Vida dias 25 e 26

Mais 860 famílias serão beneficiadas com a casa própria

O sorteio de mais 860 imóveis do Programa Minha Casa, Minha Vida vai acontecer na próxima semana. As 440 famílias do Condomínio Videiras serão sorteadas na quarta-feira (25/01/2012), a partir das 8 horas, no Ginásio Municipal de Esportes. No dia seguinte, quinta-feira (26/01/2012), serão sorteados os 420 imóveis do Residencial Figueiras, no mesmo horário e local.

Os dois residenciais estão localizados na Avenida Iguatemi, bairro Mangabeira, e são compostos por apartamentos. Cada residência possui dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, o que totaliza 42 metros quadrados.

“Depois do sorteio os proprietários dos apartamentos começam a realizar a vistoria dos imóveis no dia 27 (sexta-feira), quando vão verificar as condições dos imóveis. Na primeira semana de fevereiro eles assinam o contrato, quando recebem as chaves”, informa o secretário municipal de Habitação e Regularização Fundiária, Gilberto Ruy Souza.

Ele acrescenta que os trabalhos de iluminação pública e abastecimento de água já foram concluídos. Serão contempladas famílias com renda de zero a três salários mínimos. Só em Feira de Santana o programa habitacional Minha Casa, Minha Vida já beneficiou mais de 7 mil famílias.

Ação contra dengue no Santo Antônio

Os cuidados contra a proliferação do mosquito transmissor da dengue estão sendo reforçados pela Secretaria Municipal de Saúde, através da Divisão de Vigilância Epidemiológica (Viep). Nesta quinta-feira (19/01/2012), as equipes de Saúde promoveram uma ação educativa no bairro Santo Antônio dos Prazeres com o apoio de agentes de endemias que atuam na comunidade.

Os profissionais realizaram caminhada pelo bairro, distribuição de panfletos, orientações sobre formas de prevenção e combate ao mosquito e entrevista com moradores para identificação de sintomas da doença. A enfermeira da Viep, Débora Silva, explica que as ações foram intensificadas devido ao crescimento do número de notificações de casos da doença.

“Já realizamos ações no distrito de Humildes e estamos retornando ao Santo Antônio dos Prazeres para, junto com a comunidade, reforçar a prevenção e o combate à dengue”, ressalta.

Além do trabalho de educação em saúde, prevenção e batida de focal para identificação de focos do mosquito, a Secretaria vai realizar, nesta sexta-feira (20/01/2012), o bloqueio da cadeia de transmissão do mosquito em locais onde foram confirmados casos da doença.

“A quebra da cadeia de transmissão da dengue é realizada através da aplicação de inseticida, por meio da bomba costal na residência e em suas proximidades. A ação auxilia a eliminação do mosquito adulto”, explica a enfermeira.

A aposentada Maria do Nascimento Pereira ressalta a importância do apoio da comunidade para evitar a proliferação do Aedes Aegypti. “Não basta os agentes visitarem as casas. Os moradores também devem ter consciência de que para prevenir a dengue, a gente precisa se comprometer a seguir todas as orientações, como evitar água parada e não jogar lixo na rua”, destaca.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]