Deputado Zé Neto articula mutirão entre governos federal, estadual e municipal para sanar problemas no Residencial Santa Bárbara, em Feira de Santana

Nesta manhã de sexta-feira (20/01/2012), o líder de Governo e deputado estadual Zé Neto visitou o Residencial Santa Bárbara, acompanhado dos superintendentes regionais da Caixa Econômica Federal (CEF), José Raimundo Cordeiro Júnior e Gilberto Reis; da superintendente de Habitação da Secretaria de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Sedur), Eleonora Lisboa Mascia; do diretor da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Conder), Ubitaran Cardoso; do gerente regional da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), Onias Neto; do secretário municipal de Habitação, Gilberto Ruy Souza e representantes da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), a fim de ouvir as queixas dos moradores relativas à infraestrutura e serviços. O gerente de promoções do Centro Industrial Subaé (CIS), Guilhermino vaccarezza, também acompanhou a ação.

O Residencial Santa Bárbara possui 380 unidades tipo apartamento, estando ocupadas 205 deste total e faz parte do Programa Federal “Minha Casa Minha Vida.”

Os moradores reclamaram de diversos problemas nas áreas da saúde, educação, transporte e serviços. A moradora Edvânia Santos afirmou que não há posto de saúde próximo ao residencial e que o mais próximo que encontram nega atendimento à comunidade, pois alegam não fazer parte da área coberta pelo posto. “Quando adoecemos aqui, não temos a quem recorrer e acabamos tendo que ir buscar atendimento nos hospitais centrais, inclusive, a agente comunitária também não tem vindo por aqui, embora já tenhamos solicitado diversas vezes. Ainda esta semana uma senhora com problemas cardíacos passou mal aqui e não tivemos apoio,” reclamou Edvânia.

Outra reclamação foi sobre a falta de escolas de primeiro grau próximas ao local. “Aqui, na grande maioria, somos mulheres viúvas ou separadas, com mais de um filho em idade escolar, na maioria crianças, e não temos onde matricular nossos filhos. As escolas mais próximas ficam no Feira V e não há vagas o suficiente, além de ser muito longe e perigoso para as crianças,” pontou outra moradora.

Sobre transporte, os moradores reclamaram que são insuficientes e problemáticos. “Dizem que aqui rodam seis carros, mas na verdade só rodam três e quando algum quebra, não é substituído. Passamos mais de uma hora no ponto. Quando quebra, a demora é maior,” disse Edvânia, que foi uma verdadeira porta-voz da comunidade.

No setor serviços, as queixas foram referentes às contas da Embasa e Coelba, que agora estão vindo com valores altos e que não justifica pelo consumo real. Também houve reclamação sobre a coleta de lixo, que agora deixou de ser realizada nas vias do residencial. “O pessoal do carro de lixo não quer mais entrar aqui e diz que é porque o pavimento vai ceder se entrarem. Temos que andar até a rua de fora daqui para o carro levar o lixo,” acrescentou a líder comunitária, Ronilda Bevenides, que esteve a frente para cobrar soluções.

A estrutura do Santa Bárbara também foi questionada por alguns moradores que alegaram problemas elétricos, hidráulicos e rachaduras nas paredes.

Soluções – Provando mais uma vez o seu compromisso com o povo, não fugindo dos problemas, mas enfrentando com tranqüilidade, o deputado Zé Neto sugeriu que fossem feitas diversas ações, uma delas será a realização de um grande mutirão, no próprio residencial, com stands da Coelba e da Embasa, que atenderá a população analisando caso a caso. A Conder estará verificando os problemas apresentados em algumas casas no que diz respeito à estrutura. A Direc também estará presente analisando se a demanda do ensino médio e escolas estaduais próximas. Já a Caixa, fará um levantamento de todos os moradores reais, verificando e punindo irregularidades. “Quem recebeu as chaves e não ocupou, bem como quem aluga, perderá o imóvel,” alertou José Raimundo, da CEF. Ruy Souza, da Sedur Municipal, garantiu que as secretarias municipais responsáveis pelos setores das queixas também participarão do mutirão. Além do mutirão de quarta-feira (25), os órgãos citados estarão realizando inspeção técnica no residencial na segunda-feira (23).

“Firmo o meu compromisso aqui com vocês. Vamos realizar este mutirão para buscar resolver todos os problemas. Bolsa Família e Minha Casa Minha vida não é esmola. Mas, sim, instrumentos de dar dignidade ao nosso povo,” declarou Zé Neto, confirmando a grande ação da próxima quarta-feira (25).

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]