Banco Central libera do depósito compulsório parte do dinheiro aplicado pelos bancos em crédito rural

O Banco Central (BC) liberou mais recursos para financiar a produção agrícola no primeiro semestre. Em circular divulgada hoje (23/01/2012), o BC autorizou os bancos a deduzir do depósito compulsório (dinheiro que os bancos são obrigados a depositar no BC) sobre recursos à vista parte do valor aplicado no crédito rural . A medida pode liberar até R$ 3 bilhões para o setor agrícola.

A dedução está limitada a 5% do compulsório para algumas modalidades de crédito. De acordo com a circular, pode ser deduzido do compulsório o saldo médio diário dos financiamentos de crédito rural de custeio agrícola referentes à safrinha (2ª safra) 2012, à safra de inverno 2012 e à safra do Nordeste 2012, contratados no período de 1º de janeiro a 30 de junho deste ano. Também pode ser deduzido o saldo médio diário das aplicações em Depósitos Interfinanceiros Vinculados ao Crédito Rural (DIR), cujos recursos sejam destinados ao crédito rural.

A dedução é específica para esses casos. A alíquota desse tipo de depósito compulsório não mudou (43%). Mas já há alterações progressivas programadas. Em julho passará para 44% e, em julho de 2014, para 45%

*Com informações da Agência Brasil.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]