Campanha de desarmamento em Feira já recolheu 42 armas. Leia esta e outras matérias da PMFS

Recadastramento do Bolsa Família.

Recadastramento do Bolsa Família.

A campanha de desarmamento realizada em Feira de Santana já recolheu 42 armas de fogo somente no bairro George Américo. Computando somente os dias úteis da mobilização, a média tem sido de uma arma entregue voluntariamente, por dia, no estande montado no ônibus do programa Feira Cidade Digital, na praça central.

Voluntário do programa, Waldir de Meira ressalta a campanha tem atingido a meta. “Estamos sensibilizando a população e retirando das ruas armas de fogo que podem gerar violência e resultar em mortes. Certamente que com esta iniciativa os índices de violência serão reduzidos gradativamente”, ressaltou.

Dentre as armas recolhidas estão revólveres calibre 38, 32 e 22, espingardas caseiras de dois canos calibre 12 e pistolas, além de cartucheiras. O recolhimento é realizado mediante indenização a quem aderir à campanha.

As pessoas interessadas em participar da campanha entregando armas voluntariamente podem se dirigir ao ônibus do Feira Cidade Digital, na praça do conjunto George Américo, de segunda a sexta-feira, das 8hs às 17hs.

A campanha de mobilização no bairro George Américo prossegue até o próximo dia 30. Após esta data terá continuidade em outras localidades, onde os índices de violência são preocupantes, a exemplo do conjunto José Ronaldo e bairro Pampalona.

Campanha recolhe 42 armas

Média de uma arma entregue por dia

A campanha de desarmamento realizada em Feira de Santana já recolheu 42 armas de fogo somente no bairro George Américo. Computando somente os dias úteis da mobilização, a média tem sido de uma arma entregue voluntariamente, por dia, no estande montado no ônibus do programa Feira Cidade Digital, na praça central.

Voluntário do programa, Waldir de Meira ressalta a campanha tem atingido a meta. “Estamos sensibilizando a população e retirando das ruas armas de fogo que podem gerar violência e resultar em mortes. Certamente que com esta iniciativa os índices de violência serão reduzidos gradativamente”, ressaltou.

Dentre as armas recolhidas estão revólveres calibre 38, 32 e 22, espingardas caseiras de dois canos calibre 12 e pistolas, além de cartucheiras. O recolhimento é realizado mediante indenização a quem aderir à campanha.

As pessoas interessadas em participar da campanha entregando armas voluntariamente podem se dirigir ao ônibus do Feira Cidade Digital, na praça do conjunto George Américo, de segunda a sexta-feira, das 8hs às 17hs.

A campanha de mobilização no bairro George Américo prossegue até o próximo dia 30. Após esta data terá continuidade em outras localidades, onde os índices de violência são preocupantes, a exemplo do conjunto José Ronaldo e bairro Pampalona.

Recadastramento do Bolsa Família

46 mil famílias beneficiadas em Feira

O recadastramento do Programa Bolsa Família tem atraído um grande número de pessoas em Feira de Santana nos últimos dias. Na manhã desta terça-feira (29), dezenas de pessoas compareceram na sede do programa para realizar o recadastramento ou obter informações quanto a liberação do pagamento.

Segundo a coordenadora do programa, Vitória Leal, o recadastro pode ser feito das 7 às 17 horas, sem interrupção para o almoço, na rua Barão de Cotegipe, 649, Centro. Para tanto, é necessário apresentar a Carteira de Identidade, CPF, Título de Eleitor e Carteira de Trabalho de todos os membros da família.

“Todos os dias nós recebemos um público muito grande por conta de Feira de Santana ter 46 mil famílias recebendo o Bolsa Família”, ressalta coordenadora. O programa favorece todas as pessoas carentes e de baixa renda. Para receber o benefício é preciso agendar uma visita na central.

Posteriormente, uma equipe de pesquisadores e assistentes sociais se deslocam à residência da família e observam as condições. As famílias que recebem o auxílio também devem cumprir algumas exigências como a permanência das crianças na escola e manter o calendário de vacinação em dia.

Uma das beneficiadas com o Bolsa Família é a autônoma Fernanda Alves. “Vim fazer o recadastramento porque trabalho apenas na fabricação de bolas e tenho três filhos para sustentar. O dinheiro do programa já ajuda nossa renda”, afirma.

Obras da Upa continuam avançando

Operários trabalham na cobertura da laje

As obras da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Feira de Santana continuam avançando. Em toda a área externa e interna já foram colocados os rebocos dos tetos e paredes. Atualmente os operários trabalham na cobertura da laje, onde estão sendo colocadas telhas de amianto. O arestamento das portas da unidade de saúde encontra-se em fase de finalização.

Mais de 90% das instalações da rede hidráulica já foram concluídas, enquanto que toda a tubulação da rede elétrica já foi realizada. Nos próximos dias serão colocados os revestimentos cerâmicos nas paredes, e em seguida os pisos vão ser assentados. A expectativa é que as obras sejam concluídas em até 120 dias.

A obra da Unidade de Pronto Atendimento envolve recursos da ordem de R$ 1 milhão. As Unidades de Pronto Atendimento – UPA 24h são estruturas de complexidade intermediária entre as Unidades Básicas de Saúde e as portas de urgência hospitalares, onde em conjunto com estas compõe uma rede organizada de Atenção às Urgências.

Serão prestados a comunidade serviços especializados nas áreas clínica, pediatria, enfermagem e ainda exames diversos, a exemplo de raio-X e laboratório, com funcionamento ininterrupto. A unidade fica localizada na rua Gália, 70, loteamento Jardim dos Namorados, bairro Mangabeira.

Calendário de fiscalização da FPI

Reunião definiu atuação visando a Micareta 2011

A comissão da Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) definiu o calendário de atuação visando a Micareta 2011. A FPI é responsável pela inspeção de blocos, restaurantes, hotéis, motéis e comércio informal durante a festa momesca. Na última quarta-feira (23) o grupo se reuniu na Casa do Trabalhador.

A primeira reunião foi presidida pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Magno Felzemburg, e contou com a presença de representantes do 2º Grupamento de Bombeiro Militar, Polícia Militar, Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea), Vigilância Sanitária e Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), além da Superintendência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon).

Os órgãos envolvidos vão observar a higienização dos estabelecimentos, extintores de incêndio, condicionamento dos alimentos e estrutura dos banheiros, além do respeito aos diretos dos consumidores antes de iniciar a Micareta 2011, que acontece entre os dias 28 de abril e 1º de maio.

Segundo o secretário Magno Felzemburg, a atuação será rotineira. “É importante observamos as condições de todos esses locais para que o folião seja melhor atendido”. Na semana passada a Comissão de Montagem e Fiscalização da FPI vistoriou a estrutura dos camarotes, na avenida Presidente Dutra. O coordenador Romero Nery observou que a estrutura está dentro dos padrões de segurança e não apresenta qualquer anormalidade.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]