De quarentena, Lula prometeu voltar a falar de política após 8 de março

O ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva prometeu hoje (16/02/2011) à imprensa carioca que voltará a falar de política depois do dia 8 de março, quando termina o período que chamou de “quarentena”. “Primeiro eu tenho que desencarnar”, disse Lula. Por causa desse período de silêncio, o ex-presidente não quis fazer comentários sobre o novo salário mínimo, que pode ser votado hoje pelo Congresso Nacional.

Lula está reunido neste momento em um hotel de Copacabana (zona sul do Rio), com economistas da Fundação Getulio Vargas (FGV) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), além da economista Maria da Conceição Tavares. “Eu tenho um apreço muito grande pela Maria da Conceição. Não pude vê-la quando era presidente e agora tenho disponibilidade”. Lula referiu-se também ao compositor Chico Buarque de Hollanda, “um grande amigo, esteve junto em todos os momentos, nas horas boas e nas difíceis”.

Hoje à noite, o ex-presidente jantará com o governador Sergio Cabral. Lula não confirmou se virá ao Rio para assistir ao desfile das escolas de samba no carnaval deste ano. “Eu tenho vontade de vir para o carnaval. Mas vai depender das circunstâncias”.

A evolução do estado de saúde do ex-vice-presidente José Alencar, que recebeu a visita de Lula, ontem (15/02), em São Paulo, está incluída nessas “circunstâncias”. Lula disse ter consciência de que a situação de Alencar é grave. “A gente está torcendo. Sou um cristão e tenho muita fé”, disse ele em relação à possibilidade de recuperação do amigo.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]