Turismo quer recursos federais para estruturar santuário de Irmã Dulce

Diante da previsão do aumento do número de turistas do segmento religioso, com a beatificação de Irmã Dulce, o governo da Bahia, por meio da Secretaria Estadual de Turismo (Setur), está pleiteando junto ao Ministério do Turismo recursos da ordem de R$ 9 milhões para aplicar na infraestrutura do santuário que leva o nome da freira e seu entorno. Os projetos incluem ainda obras de requalificação do Largo de Roma e sinalização turística.

De acordo com a turismóloga Luana Lula, que trabalha nas Obras Sociais Irmã Dulce, “esse apoio oferecido pelo governo estadual facilitará o acesso do turista ao local e beneficiará a comunidade de Itapagipe”. Atualmente, o santuário recebe aproximadamente 35 mil visitantes por ano, sendo que 25% do público é formado por turistas.

Para Luana Lula, o anúncio oficial, que será feito pelo Papa Bento XVI, contribuirá para o aumento das visitas às Obras Sociais no próximo ano. “A partir da beatificação, o número de visitas será bem maior. Só o anúncio na mídia já aumentou bastante a visitação”.

Ainda segundo a turismóloga, uma grande festa está programada para maio de 2011, reunindo, em Salvador, milhares de baianos e turistas devotos da religiosa. O secretário Antonio Carlos Tramm lembra que o turismo religioso é uma das prioridades do governo estadual e que diversas ações foram desenvolvidas em apoio ao segmento nos últimos quatro anos. “Fizemos uma intensa divulgação dos festejos religiosos na mídia nacional e internacional e também nas feiras de turismo. Viabilizamos ainda um voo direto Bahia/Estados Unidos, o que influencia no turismo étnico-afro”, informa Tramm.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]