STJ concede liberdade ao prefeito Aratuípe, Antônio Miranda Silva Júnior, preso em operação da Polícia Federal

O ministro Napoleão Maia Filho, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), concedeu liminar em habeas corpus ao prefeito de Aratuípe (BA), Antônio Miranda Silva Júnior. A liberdade foi concedida porque, segundo o ministro, a prisão não era necessária, tendo em vista que já foram coletados indícios suficientes de crimes para abertura de ação penal.

Silva Júnior e outras 42 pessoas foram presas pela Polícia Federal no curso de uma operação que investiga crimes de peculato, estelionato, formação de quadrilha, fraude a licitação e na execução de contratos, crime de responsabilidade de prefeito e corrupção ativa e passiva.

Ao conceder a liberdade, o ministro Napoleão Maia Filho observou que já existe uma superabundância de dados coletados que apontam a prática de ilícitos graves. Contudo, ele ressaltou que a prisão temporária é uma medida extrema, que só deve ser aplicada quando estritamente necessária. Neste caso, o ministro entendeu que a prisão não era necessária para recolhimento de indícios das infrações criminais. Por isso, não estaria de acordo com o artigo 1º da Lei n. 7.960/1989.

O ministro ressaltou ainda que somente a liberdade pessoal deve ser preservada, porque o sistema jurídico brasileiro não contempla a prisão como necessária. De acordo com o ministro, a concessão dessa liminar não importa em reduzir a amplitude dos poderes investigatórios e de instrução da autoridade policial. A concessão de liberdade foi estendida a outros corréus.

O mérito do habeas corpus será julgado pela Quinta Turma do STJ.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]