SEAGRI realiza Seminário de Citricultura no Recôncavo

Fortalecer a citricultura do Recôncavo a partir da organização dos produtores, mercado e comercialização de forma in natura e industrial. É o que pretende a Secretaria da Agricultura (Seagri) que, por meio da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), realiza, nesta terça-feira (9/11/2010), no auditório I da Embrapa Mandioca e Fruticultura, em Cruz das Almas, o I Seminário de Citricultura do Recôncavo Baiano.

O evento capacitará agricultores e técnicos a fim de estimular a reflexão do desenvolvimento das ações de forma comunitária, tendo como foco uma visão familiar para atingir o futuro desejado em coerência com as demandas. “Desafios e Perspectivas da Citricultura” é tema da palestra de abertura. Mesas-redondas abordarão as experiênciascom cooperativismo e mercado e comercialização.

O presidente da EBDA, Emerson Leal, explica que a “assistência técnica continuada nas comunidades, de forma planejada e participativa, visa à organização social dos agricultores, promovendo o desenvolvimento sustentável da cadeia produtiva de citros na região, contribuindo para o fortalecimento da economia local e regional.”

Segundo o coordenador das ações para os citros, Nilton Caldas, a empresa vem realizando periodicamente capacitações, que tem como proposta, qualificar seus profissionais. “O sucesso da organização dos agricultores familiares e da sua produção será possível com a consolidação das parcerias em busca do fortalecimento da cadeia produtiva dos citros”.

O evento tem como parceiros, o Banco do Nordeste, a Universidade Federal do Recôncavo (UFRB), o Fórum dos Secretários de Agricultora do Recôncavo Baiano, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimentos (Mapa).

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]