Plano Diretor da Copa 2014 na Bahia é apresentado na Assembleia Legislativa

O Plano Diretor da Copa 2014 na Bahia foi apresentado à sociedade civil nesta sexta-feira (19/112010) na Assembleia Legislativa (AL), no Centro Administrativo da Bahia (CAB). O objetivo do plano, realizado pela Secretaria Extraordinária para Assuntos da Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014 (Secopa), é expressar a estratégia do governo da Bahia para a organização da próxima Copa do Mundo de Futebol, assim como da Copa das Confederações 2013.

Segundo o secretário extraordinário da Copa 2014, Ney Campello, o planejamento para os próximos quatro anos tem como destaques a infraestrutura, a qualificação dos profissionais envolvidos, sobretudo na área de turismo, e o legado da Copa (benefícios deixados para Salvador depois do evento).

Dentre os projetos prioritários na área de infraestrutura está a construção da Arena Fonte Nova, já iniciada. O novo estádio terá capacidade para 55 mil pessoas, podendo ser ampliada para até 60 mil, com a instalação de arquibancadas provisórias na abertura da ‘ferradura’ e de 47 camarotes com 1.330 assentos.

Há também a implantação de corredores de transporte metropolitano de alta capacidade com veículos sobre pneus na Região Metropolitana de Salvador (RMS), entre Lauro de Freitas e a capital baiana. Os recursos, de R$ 567,7 milhões, foram liberados pelo governo federal para a realização dos serviços, que serão contratados pelo governo da Bahia.

“Já começamos as obras e nos próximos meses a população verá os primeiros pilares da arena. Também daremos início aos serviços de mobilidade urbana”, afirmou Campello.

Outro projeto considerado importante é a modernização e requalificação da rede hoteleira, apoiado para isso na recente divulgação pelo governo federal de uma linha de crédito de R$ 1 bilhão, disponibilizada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) diretamente para os empresários do setor no país. Além disso, os profissionais do segmento serão qualificados.

O presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Luiz Henrique Amaral, acredita que os investimentos no turismo vão dinamizar ainda mais o setor e a economia do estado. De acordo com estimativas da Abrasel, a Bahia, principalmente Salvador, terá um acréscimo de 15 a 20% ao ano de atração de novos negócios na área de restaurantes e bares.

A Bahia conta também com processos em estudo, a exemplo da ampliação do terminal de passageiros do porto e do aeroporto de Salvador, construção da segunda pista do aeroporto, duplicação das avenidas Pinto de Aguiar e Gal Costa, para melhorar a acessibilidade ao Estádio Governador Roberto Santos (Pituaçu) e do Estádio Manoel Barradas (Barradão), além de outras ações estruturantes divulgadas recentemente pela prefeitura de Salvador.

Ainda durante o evento, que reuniu representantes de sindicatos, associações e deputados, foi reforçada a campanha para que a abertura da Copa 2014 seja realizada na Bahia.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]