Ingá cadastra usuários de águas da Região do Baixo Salitre

A partir da próxima terça-feira (23/11/2010), até o dia 15 de dezembro, os municípios da região do Baixo Salitre (Juazeiro e entorno), no centro-norte da Bahia, receberão a visita de técnicos do Instituto de Gestão das Águas e Clima (Ingá) para realizar a Campanha de Cadastro de Usuários de Águas da região.

Com o objetivo de ajudar a solucionar os problemas hídricos nas comunidades, a campanha divulgará a importância do cadastramento de todos os usuários de águas subterrâneas e superficiais da Bacia Hidrográfica do Salitre para regularizar as informações que envolvem a captação de água na região e reforçar a importância do uso racional dos recursos hídricos.

A metodologia de cadastro está dividida em três momentos distintos. Na primeira etapa, que acontece a partir de terça, será realizada a mobilização no município de Juazeiro e em todos os povoados rurais, com a intenção de divulgar e informar os usuários sobre a realização do cadastro.

Entre os dias 6 e 10 de dezembro acontecem reuniões nos povoados da zona rural para a população tirar as dúvidas sobre o cadastramento e ainda apresentar aos usuários a Portaria Convocatória e suas determinações. O cadastro será realizado nos dias 13 e 15 do mesmo mês e poderá ser feito nos postos temporários nas localidades de Pacuí, Abreus, Curral Velho, Junco, Goiabeira e Marruá e na sede da Unidade Regional do Ingá, em Juazeiro.

Segundo Janaina Novaes, coordenadora de Cadastro de Usuários de Recursos Hídricos e Regras de Operação de Reservatório do Ingá, o cadastramento tem papel fundamental por levantar informações que podem ser utilizadas em todas as outras ações do órgão gestor das águas. “É necessário ampliar e melhorar o conhecimento das necessidades hídricas e fortalecer a gestão das águas no Estado da Bahia”.

Áreas com conflitos de uso e escassez de água têm atenção especial do Ingá, devido às necessidades de soluções imediatas e também porque pode evitar maiores problemas para os usuários e as comunidades. Nesse caso, as informações coletadas auxiliarão também na elaboração de estudos e planejamentos, além de alimentar banco de dados sobre as características dos usos de água no Estado, de forma contínua.

O cadastro de usuários é gratuito e será realizado de forma convocatória. A população poderá contribuir com o cadastramento dirigindo-se ao posto mais perto de onde mora e levando os documentos pessoais – RG e CPF, além de comprovante de endereço e da propriedade (informações sobre a captação, bomba e área irrigada, método de irrigação). Deve se cadastrar quem faz captação em córregos, rios ou ribeirões (curso d’água) e por meio de poços e nascentes, como também quem constrói barragens ou açudes.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]