Universidade Livre de Berlim vai inaugurar sede em São Paulo

Com a meta de gerar um polo de intercâmbio científico na América do Sul, o Centro Alemão de Inovação e Ciência criou uma infraestrutura em São Paulo em 2009. Agora, Universidade Livre de Berlim se instala no local.

A representação da Universidade Livre de Berlim (FU Berlin), a ser inaugurada em São Paulo no dia 24 de outubro, é a sétima criada no exterior, ao lado de Nova York, Moscou, Nova Délhi, Pequim, Bruxelas e Cairo.

A iniciativa faz parte do projeto Universidade Internacional em Rede, pelo qual a Universidade Livre de Berlim foi reconhecida com distinção pela União e pelos estados alemães.

A nova representação é direcionada a toda a América do Sul e deverá servir de plataforma de orientação para estudantes e cientistas da região. Sua meta também é coordenar e apoiar o intercâmbio entre a Universidade Livre e suas parceiras no continente sul-americano.

No Brasil, já existem parcerias com a Universidade de São Paulo (USP), com a Fundação Armando Álvares Penteado (Faap) e com a Universidade do Pará. Com a Unicamp, de Campinas, também deverá ser fechado um convênio em breve.

Maior proximidade dos parceiros sul-americanos

Segundo um comunicado do Centro Alemão de Inovação e Pesquisa (DWIH, na sigla em alemão), “a sede de São Paulo tem a incumbência de promover as relações bilaterais e expandir iniciativas científicas, seja na identificação de parceiros qualificados ou na preparação de novos cientistas.

As responsabilidades incluem o marketing de programas, estudos e de promoção da Universidade Livre de Berlim, assim como a divulgação de anúncios internacionais e novos projetos de pesquisa”. Outras metas da sede são “apresentar resultados de pesquisa da Universidade Livre de Berlim e de seus parceiros e organizar eventos internacionais e atividades de ex-alunos”.

Claudio Struck, historiador da Universidade Livre de Berlim e diretor do escritório de São Paulo, assinala que sua representação deverá servir de ponte para os dois lados: tanto para informar instituições brasileiras interessadas em intercâmbio científico com a Alemanha, quanto para propagar o resultado de pesquisas brasileiras entre acadêmicos alemães.

Considerando que o Brasil e a Alemanha não mantiveram um intercâmbio científico tão intenso nos últimos anos, observa Struck, há muita coisa a ser posta em dia. Além dessa defasagem de conhecimento bilateral, a barreira linguística também torna mais difícil a propagação da pesquisa brasileira na Alemanha.

A programação de atividades do novo escritório inclui – entre outros eventos – o seminário Cooperação Brasil-Alemanha em Ciências Sociais e Humanas, em colaboração com a Fundação Getúlio Vargas e Escola de Direito de São Paulo, a ser realizado no dia 26 de outubro.

“Desigualdades Interdependentes – O Papel dos Estudos Regionais” é o título do debate a ser realizado em 3 de novembro próximo, no Centro Brasileiro de Análise e Planejamento em São Paulo. O Ano Brasil-Alemanha da Ciência é o contexto institucional de tais eventos.

Mais instituições terão sede em São Paulo

A Universidade Livre de Berlim foi a primeira a inaugurar uma representação no Centro Alemão de Inovação e Ciência em São Paulo, que oferece infraestrutura para sedes de instituições científicas alemãs na metrópole sul-americana. Entre outras que demonstraram interesse em manter uma representação em São Paulo, a Universidade de Münster, com seu centro de Estudos Brasileiros, já está praticamente confirmada.

Segundo Bertram Heinze, que implementou o projeto do DWIH na capital paulista, haveria ao todo seis instituições interessadas, entre as quais uma associação de escolas superiores técnicas, uma organização de incentivo acadêmico, além de outras universidades e centros de pesquisa.

A cerimônia de inauguração do escritório da Universidade Livre em São Paulo será realizada no Instituto Goethe local.

*Com informações do Deutsche Welle

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]