Sobrinho de ex-senador do Amapá envolvido em tentativa de homicídio invade emissora de TV e tenta cercear a liberdade de imprensa

Num ato de total desrespeito à liberdade de imprensa, militantes do ex-senador João Capiberibe, e do filho dele, Camilo Capiberibe, candidato ao governo do estado do Amapá, – invadiram a TV Amapá, no último domingo (25/10/2010). A emissora é tida como independente numa região em que grupos políticos controlam os meios de comunicação.

O ato típico dos tempos da ditadura, deu-se devido à cobertura jornalística realizada pela TV Amapá, a respeito de um incidente que envolveu um sobrinho do ex-senador, numa tentativa de homicídio motivada pela disputa eleitoral.

Coordenadores da campanha de Capiberibe foram até a emissora intimidar jornalistas com agressões verbais, as quais foram registradas no circuito interno de câmeras de segurança.

As intimidações foram motivadas devido a veiculação de matéria jornalística que apurou fatos ocorridos na madrugada no último sábado (23/10), em Macapá, quando o militante do candidato adversário Lucas Barreto, Wagner Barbosa Aleluia, 33, foi baleado em frente ao Comitê Central de Camilo Capiberibe.

Wagner encontrava-se em um ônibus com outros militantes, quando vinha da Zona Norte de Macapá, de um comício do candidato Lucas Barreto adversário de Camilo. O veículo passava pela Rua Eliézer Levy, único acesso ao centro da cidade, na esquina do comitê do rival, quando foi alvejado por pedras e por arma de fogo.

De acordo com as investigações, o autor do disparo que atingiu Wagner Aleluia foi o sobrinho do ex-senador João Capiberibe, Alexandre Coutinho, um dos coordenadores da campanha. A tentativa de homicídio foi confirmada pela própria vítima e por testemunhas que presenciaram o crime. Wagner passou por uma cirurgia de alto risco e se encontra em estado grave de saúde.

A reportagem procurou a TV Amapá para perguntar sobre a invasão feita por militantes da família Capiberibe, mas a emissora não quis se manifestar sobre o assunto. Porém, as agressões aos cinegrafistas Rômulo Cantanhede e Edson Farias foram confirmadas em postagens feitas pelo jornalista Anderson Farias, âncora da TV, no site de relacionamento Twitter e, noticiadas em rádios e blogues locais.

Ainda, segundo informações relatadas na Delegacia de Polícia, a invasão da emissora foi feita pelo coordenador de marketing da campanha de Camilo – o publicitário Walter Júnior – e mais dois militantes, que foram tomar satisfações sobre a matéria veiculada e também com a intenção de retirar inserção do candidato adversário da propaganda eleitoral.

Os profissionais da TV Amapá argumentaram que só poderiam retirar qualquer inserção do ar mediante ordem judicial e não por vontade da coligação. A partir daí começaram as agressões, as quais foram registradas no circuito interno de TV da emissora. Os cinegrafistas prestaram queixa em uma delegacia de Macapá, sendo registrado o Boletim de Ocorrências (BO) sob o número 271/2010.

O episódio não foi noticiado em nenhum dos programas jornalísticos da emissora. Entre as empresas de comunicação a constatação é de que o silêncio envolve interesses comerciais, em razão da liderança de Camilo Capiberibe na corrida pelo cargo de Governador do Amapá. A TV teme por sofrer retaliações em um eventual mandato do candidato, já que o Governo do Estado é um dos principais clientes da empresa.

Por outro lado, jornalistas amapaenses contam que, no mandato de governador de João Capiberibe (1995-2001), a TV sofreu represálias por denunciar esquemas de corrupção e precariedades dos serviços públicos durante a sua gestão. “A TV Amapá comeu o pão que o diabo amassou quando os Capiberibes governaram o estado”- dizem fontes ouvidas pela reportagem.

No Amapá, a TV Amapá é conhecida pelo seu jornalismo independente e goza de grande audiência e credibilidade junto à população local.

Maiores informações na redação da TV Amapá (96) 9112-6310 ou pelo e-mail: [email protected] O número do telefone da Delegacia onde foi registrada a ocorrência é (96) 3212-8175 – CIOSP do Congós em Macapá-AP

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]