Pinheiro, Zé Neto e Arimatéia se reúnem com evangélicos de Feira para desmentir boatos sobre Dilma

Após participarem da grande carreata pró Dilma Rousseff que percorreu as principais ruas e avenidas de Feira de Santana na tarde desta sexta-feira (15/10/2010), com a presença do governador Jaques Wagner e demais integrantes do time de Lula na Bahia, o senador eleito Walter Pinheiro, o reeleito deputado estadual Zé Neto e o vereador eleito José de Arimatéia se reuniram com lideranças religiosas para desmentir os boatos atribuídos a candidata petista nos últimos dias.
De forma maldosa e caluniosa, intensificou-se na internet e entre fiéis de igrejas católicas e evangélicas de todo o país boatos de que Dilma seria favorável ao aborto e pretendia fechar templos. O mais devastador desses boatos, que se disseminou pela internet, atribuía a candidata a declaração de que nem Jesus Cristo tiraria a vitória dela.
“Lamento a campanha suja, agressiva e difamatória que vem sendo feita contra a nossa companheira Dilma. Agora é hora de lembrar o que é verdade e o que é calúnia para que o povo brasileiro não seja enganado”, declarou Zé Neto.
Durante a reunião, realizada no Espaço Kilogrill, em Feira, o senador eleito Walter Pinheiro falou sobre a carta divulgada ontem (15/10) em todo o Brasil, com o objetivo de pôr um fim aos boatos que envolvem a campanha de Dilma Rousseff. O documento, intitulado “Mensagem da Dilma”, reafirma posições da candidata sobre aborto, liberdades religiosas, garantias constitucionais e preceitos que não afrontem a família.
Em seis pontos abordados na carta, a petista defende a liberdade religiosa, afirma ser “pessoalmente contra o aborto” e se compromete, se eleita, “não propor alterações de pontos que tratem da legislação do aborto”.
De acordo com Pinheiro, que é evangélico e faz parte da coordenação da campanha de Dilma juntamente com o senador Magno Malta, também evangélico, a candidata afirma ainda que não irá adotar, em um eventual governo, medidas que venham a alterar ‘temas concernentes à família e à livre expressão de qualquer religião no país”.
A reunião também contou com a presença do vereador feirense Ângelo Almeida e mais de 100 pastores evangélicos. Visando reunir um maior número de religiosos, outro encontro será realizado em Feira, com data a ser agendada. “Vamos ampliar a divulgação da carta enviada por Dilma e desmentir essas imoralidades criadas pelo DEM e pelo PSDB”, pontuou Zé Neto.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]