Paulo Henrique Amorim pede voto para Emiliano em palestra em Salvador

Paulo Henrique Amorim pede voto para Emiliano em palestra em Salvador.

Paulo Henrique Amorim pede voto para Emiliano em palestra em Salvador.

Uma multidão tomou conta da Fundação Visconde de Cairu, nos Barris, durante a palestra do jornalista, apresentador da TV Record e autor do blog Conversa Afiada, Paulo Henrique Amorim, que veio ontem (28/10/2010) a Salvador a convite do candidato a deputado federal Emiliano (1331) para falar sobre “O papel da mídia nas eleições”. Mais de 800 pessoas lotaram o auditório e outros locais que transmitiam a palestra em telões. O evento foi exibido também ao vivo neste site.

Além do palestrante e de Emiliano, estiveram presentes na mesa o ex-governador da Bahia Waldir Pires, a candidata a senadora Lídice da Mata, o presidente do PT-Bahia, Jonas Paulo, e o diretor da Faculdade de Direito da UFBA, Celso Castro.

Emiliano abriu o evento falando da importância de trazer discussões como essa para a Bahia. “Sempre estou buscando debater temas de importância para a sociedade. Já tivemos palestras do jornalista Mino Carta, do cientista político Giuseppe Cocco, do secretário especial de Direitos Humanos da Presidência da República, Paulo Vanucchi. Hoje é com muita alegria que trago o companheiro Paulo Henrique Amorim, que tem uma longa e bela trajetória no jornalismo brasileiro”.

OLÁ, TUDO BEM?

Como não poderia deixar de ser, Paulo Henrique Amorim iniciou com a sua tradicional frase: “Olá, tudo bem?”. E disse em seguida: “Queria saudar Emiliano, também conhecido como 1331, o grande Waldir Pires e todos aqui presentes. Li uma carta de Waldir apoiando Emiliano e fiquei feliz. Ele é uma das pessoas mais íntegras da política”. E contou um breve resumo da história de Waldir.

A palestra girou em torno de um tema bastante polêmico, que é o Partido da Imprensa Golpista. “O PIG faz o papel do mau e o Serra do bonzinho. São três famílias que controlam a mídia no Brasil: Marinho, Frias e Mesquita. Antes bastava FHC dar três telefonemas para controlar a opinião pública. Mas nós – os blogs ‘sujos’, o twitter e a internet – conseguimos furar o PIG. O Datafolha, também conhecido como ‘Datafraude’ ou ‘Datafalha’, faz parte do PIG. Tentou desabar a candidatura de Dilma. Já o Vox Populi não entra no Jornal Nacional, mas entra na internet”, criticou o palestrante, que afirmou que saiu da Rede Globo porque quis, mas que não se arrepende de nenhuma matéria que fez.

VOTO EM EMILIANO

Segundo Amorim, é preciso eleger Emiliano para que se possa prosseguir com esse combate. “É necessário o 1331 para que o Congresso não se omita mais. Ele sempre lutou pela democratização da comunicação e contra o PIG. Inclusive tenho noticiado isso no meu blog Conversa Afiada. Entre outras coisas, temos que assegurar que a banda larga seja universal, rápida e barata”.

O palestrante encerrou contando que Emiliano, quando preso político, distribuía um jornal de poucas linhas, escrito à mão, por debaixo das celas. “Era o Jornal Nacional da cadeia. O último a ler tinha que botar fogo no papel, para não descobrirem. Hoje Emiliano é o jornalista que é. Mas agora temos as pautas de outra cadeia, que o PIG construiu pra nós. E ficamos esperando o papelzinho de Emiliano por debaixo da porta”.

SENADORA DA BAHIA

“Estamos no período final da campanha e temos que fazer a nossa tarefa com toda dedicação. Peço o voto para Emiliano com muita alegria, pois acredito no trabalho dele e precisamos seguir com as mudanças para o nosso povo. Emiliano está de parabéns. Não posso deixar de pedir também votos para mim e Pinheiro. Quero ser a primeira mulher baiana a pisar no tapete azul do Senado Federal. Dilma 13, Wagner 13, Lídice 400, Pinheiro 130 e Emiliano 1331”, reforçou Lídice da Mata.

Assista ao vídeo em que Paulo Amorim pede voto para Emiliano

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]