Mais de 1,5 bilhão de pessoas não têm emprego seguro

No Dia Mundial de Erradicação da Pobreza, neste 17 de outubro de 2010, ONU pediu novos postos de trabalho para combater o problema.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que a criação de empregos decentes e produtivos é “o melhor meio para lutar contra a pobreza”. Segundo as Nações Unidas, 1,5 bilhão de pessoas não têm trabalho seguro em todo o mundo.

O alerta foi feito neste domingo, no Dia Mundial de Erradicação da Pobreza. Sob o tema “Trabalho Decente”, Ban disse que empregos dignos trazem rendimentos para os mais pobres e proteção social.

Cuidados de Saúde

Segundo o Secretário-Geral, “o acesso ao ensino, aos cuidados de saúde e a formação profissional também são essenciais”.

Ban explicou que mais da metade das pessoas que estão trabalhando atualmente não recebem benefícios da previdência social e não conseguem arcar com as despesas da própria família”.

A situação agravou-se após a crise financeira global, que jogou cerca de 64 milhões de pessoas na pobreza. Se comparado aos índices de 2007, o mundo tem hoje mais 30 milhões de desempregados.

O emprego jovem também está em crise. Pelo menos 81 milhões de pessoas até 24 anos estão fora do mercado de trabalho.

*Com informações da Rádio ONU em Nova York

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]