Dois médicos urologistas e um radiologista integram o quadro da equipe médica do CMPC. Leia esta e outras notícias da PMFS

Segundo a coordenadora do CMPC, Liamara Oliveira, com os novos médicos serão ofertadas novas vagas para as pessoas que solicitam atendimento nestaS especialidades. “Vamos dobrar o número de atendimentos”, informa.

Segundo a coordenadora do CMPC, Liamara Oliveira, com os novos médicos serão ofertadas novas vagas para as pessoas que solicitam atendimento nestaS especialidades. “Vamos dobrar o número de atendimentos”, informa.

Dois médicos urologistas e um radiologista foram contratados para compor a equipe médica do Centro Municipal de Prevenção ao Câncer Romilda Maltêz (CMPC). Com a contração destes novos profissionais, os serviços oferecidos pelo Centro serão ampliados para atender a demanda da comunidade feirense.

Segundo a coordenadora do CMPC, Liamara Oliveira, com os novos médicos serão ofertadas novas vagas para as pessoas que solicitam atendimento nestaS especialidades. “Vamos dobrar o número de atendimentos”, informa.

O exame de preventivo é a grande procura das mulheres; cerca de 1.200 são atendidas mensalmente na unidade, que também dispõe dos serviços de mastologia, endocrinologia, biópsia, eletrocauterização e consultas ginecológicas.

O Centro também faz o acompanhamento com central de enfermagem e pós-operatório dos pacientes operados de próstata, além dos portadores de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Vale ressaltar que o CMPC é a única clínica em Feira de Santana que disponibiliza estes tratamentos pelo Serviço Único de Saúde (SUS).

O Centro Municipal de Prevenção ao Câncer (CMPC) funciona de segunda-feira a sexta-feira, das 7 às 19 horas, e aos sábados, das 7 às 16 horas, ininterruptamente. Atualmente, 15 médicos realizam cerca de dois mil atendimentos por mês.

Guarda Municipal atua nos fins de semana

Possível devido a aquisição de novos veículos pela Prefeitura

Com a nova frota de veículos, adquirida pela Prefeitura de Feira de Santana, a Guarda Municipal passa a fazer um trabalho ostensivo, mas de caráter preventivo, através da vigilância e proteção ao cidadão e ao patrimônio municipal.

Nos finais de semana, por exemplo, a Guarda Municipal tem participado de operações especial de policiamento comunitário, com cinco veículos fazendo ronda nos bairros, praças, logradouros e espaços públicos do município.

O objetivo principal das ações, segundo o comandante da Guarda Municipal, Janilson de Oliveira Vitória, é salvaguardar o patrimônio púbblico. “Queremos apenas advertir, fazer um trabalho de orientação. Não serão feitas nessas rondas autuações”, ressalta.

Conforme o comandante, a ampliação da frota permitiu que a Guarda Municipal chegue com mais facilidade nos distritos. “Antes não era possível levar a ronda aos distritos, porque era apenas um automóvel para atender a demanda da cidade toda. Agora, com cinco automóveis, cada um é responsável por uma área específica de atuação”, conta.

Além dos cinco automóveis, compõem também a frota da Guarda Municipal cinco motocicletas, utilizadas com o uso adequado dos equipamentos de proteção e de trabalho dos condutores entre eles capacete, blusão, botas e joelheiras. A corporação já conta também com detectores de metais e aguardam a chegada de coletes balísticos.

Meta de matrícula do TOPA atingida

Secretaria Municipal de Educação já tem 82 turmas formadas

A meta para as inscrições da quarta etapa do programa Todos pela Alfabetização (TOPA) já foi atingida pela Secretaria Municipal de Educação de Feira de Santana. Oitenta e duas turmas com início das aulas previsto para 31 de janeiro de 2011 já estão formadas.

“Mas se quiserem fazer cadastro de reserva, estamos aceitando até o dia 1º de novembro”, salienta a coordenadora municipal do programa, Célia Trindade.

O curso dura oito meses e as aulas ocorrem quatro vezes por semana, com duas horas e meia por dia, totalizando 10 horas de aulas semanais. As turmas tem uma média de 25 alunos e o alfabetizador precisa ter, no mínimo, o Magistério ou estar cursando alguma licenciatura.

“Na primeira etapa, em 2008, 591 alunos foram alfabetizados; em 2009, 545 alunos se alfabetizaram pelo programa. E na terceira etapa que está acontecendo e termina no dia 7 de março de 2011, esperamos que 120 alunos sejam alfabetizados, uma vez que são poucas turmas”, explica a coordenadora.

Interessados no programa devem procurar a sala da EJA/TOPA, à tarde, na Secretaria de Educação, situada na rua Geminiano Costa, 212, edifício Empresarial Dona Flor, Centro. Mais informações pelos telefones (75) 4009-8700 ou (75) 3614-1095.

Contrato com 285 agricultores familiares

Assinaturas nesta terça-feira, 26, na Sala de Imprensa

Gêneros alimentícios produzidos por 285 agricultores familiares da zona rural de Feira de Santana passarão a integrar o cardápio nas escolas da rede municipal de ensino e também de entidades sócio-assistenciais. Os contratos serão assinados pelo prefeito Tarcízio Pimenta, na manhã desta terça-feira (26/10/2010), às 8h30, durante solenidade na Sala de Imprensa Arnold Silva, no Centro de Atendimento ao Feirense (Ceaf).

Os produtos, conforme o presidente da Comissão Permanente de Licitação, João Urias, estão sendo adquiridos através de duas chamadas públicas, no âmbito do Programa de Aquisição de Alimentos, de agricultores familiares e empreendedores familiares rurais enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). O abastecimento alimentar é para o período de outubro deste ano até maio de 2012.

Para atender à Secretaria Municipal de Educação estão sendo assinados 42 contratos. Dentre os gêneros alimentícios estão abóbora, alface, aipim, batata doce, beiju, biscoito de goma, cebolinha, coentro, farinha de mandioca, feijão carioca, laranja, limão, manga, pimentão, sequilhos sabor coco, sequilhos sabor casadinho, pastel doce e tomate. Os alimentos serão destinados à alimentação escolar.

Já os programas desenvolvidos pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico serão abastecidos por produtos fornecidos por 243 agricultores familiares. Juntos fornecerão verduras (alface, cebolinha, coentro, couve, hortelã, quiabo e salsa), frutas (banana da prata, banana da terra, tomate, laranja e pêra), abóbora, raízes (aimpim, inhame e cenoura), grãos (feijão carioquinha), ovos caipira e produtos beneficiados (farinha de mandioca e beiju).

Os produtos, conforme o diretor do Departamento de Articulação e Promoções Econômicas da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Wellington Andrade, serão destinados a 60 entidades, dentre as quais a Afas, Apae, Dispensário Santana e Lar do Irmão Velho.

Escola municipal premiada por projeto ambiental

Premiação nesta terça-feira, 26, na CDL

Com o tema “Quem se lixa com o lixo?”, a Escola Municipal Gente Miúda, bairro Jardim Acácia, foi a vencedora do Projeto Belgo Bekaert Meio Ambiente na categoria Projeto Escolar. Todas as 17 escolas participantes criaram um projeto relacionado ao tema “Eu, você e o presente da natureza” proposto pela empresa.

Segundo Tamylla Novais, membro da assessoria de imprensa da Belgo, o projeto já existe desde 1991, mas foi inserido em Feira de Santana no ano de 2001. “O projeto chegou ao município através de uma parceira com a Fundação ArcelorMittal que coordena todos os projetos da Belgo”, conta.

De acordo com Maria de Lourdes Ferreira Cazumbá, vice-diretora da escola, alguns alunos possuíam o hábito de jogar lixo no chão e precisavam se conscientizar sobre a poluição ambiental.

“Por serem oriundos de famílias de baixo poder aquisitivo, muitos deles trabalham comercializando material reciclável como garrafas plásticas, papelão e papel. Por isso decidimos participar do concurso e aplicar o projeto à escola”, explica.

Entre as ações que serão aplicadas na prática escolar estão o trabalho de reciclagem e reaproveitamento, coleta seletiva, visita ao Aterro Sanitário, oficina de reciclagem de papel, visita ao Núcleo de Educação Ambiental da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), além de passeatas pelo bairro da escola alertando sobre a degradação ambiental, produção de textos e leituras em sala de aula envolvendo temáticas sobre meio ambiente.

Ao todo, 17 escolas e mais de 25 mil alunos da rede municipal de ensino, entre 7 e 17 anos, participaram do projeto. Além da Escola Gente Miúda, outras quatro foram premiadas: Escola Municipal Professor Antônio Alves Lopes, Escola Municipal Elizabeth Jhonson, a Escola Municipal Ana Maria Alves dos Santos e a Escola Municipal Faustino Dias Lima, que disputaram as categorias Desenho e Redação.

Nesta terça-feira (26/10), às 8h30, os estudantes das escolas vencedoras, assim como seus representantes, vão receber premiação correspondente a três salários mínimos, além de troféu. A solenidade acontece na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]