Tribunal e políticos sem escrúpulos

Lamentavelmente, no Maranhão, até as instituições jurídicas estão contaminadas de corrupção ou de vícios, que conspurcam a imagem de um Estado, cuja seriedade política deixa muito a desejar no plano nacional.

Os candidatos à reeleição, deputados federais Cleber Verde (PRB-MA) e Sarney Filho (PV-MA), escapam das restrições impostas pelo projeto recentemente aprovado Ficha Limpa, graças às interpretações capciosas de membros do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) maranhense, que revelam não demonstrar sintonia com o princípio de moralidade política, defendida pela maioria dos brasileiros e pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Esses senhores políticos são mais uns oportunistas, que usam a política para fazer carreira profissional e desfrutar os prestígios, as benesses públicas e as glórias do poder. Infelizmente, a maioria do eleitor não tem cultura política. Se tivesse não reelegeria ninguém, mas levaria ao Parlamento somente gente nova, sem ficha suja, para oxigenar melhor o Congresso Nacional, tão desacreditado e “avacalhado” por essas fístulas políticas, que não fazem nada e só sabem se locupletar com o dinheiro da nação.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]