Lula defende redução da jornada de trabalho para aumentar geração de empregos

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu hoje (01/05/2010) a redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais. Segundo ele, a mudança geraria empregos no país.

“É preciso reduzir a jornada para 40 horas para que a gente possa colocar mais pessoas no mercado de trabalho”, disse, em festa promovida pela União Geral dos Trabalhadores (UGT), pela Central Geral dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) e pela Nova Central (NCST).

As centrais organizaram o evento na Avenida Marques de São Vicente, região oeste de São Paulo, em comemoração ao Dia do Trabalho.

O discurso de Lula foi o segundo em festas de comemoração ao Dia do Trabalho neste sábado. Antes, ele esteve no eventopromovido pela Força Sindical e pela Central Geral dos Trabalhadores do Brasil. O presidente ainda deve participar de mais dois atos políticos nesta tarde: um promovido pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e o outro, pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

Em todos os eventos, Lula estará acompanhado da pré-candidatada do PT à Presidência da República, a ex-ministra da Casa Civil Dilma Rousseff.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]