Governo de Tarcízio Pimenta envia projeto de aumento propondo 4,31% para o servidor municipal e encontro com professores

Proposta 4,31% para o servidor municipal

O Governo Municipal enviou para a Câmara de Vereadores um Projeto de Lei propondo 4,31% de aumento para os servidores da prefeitura, a vigorar a partir do dia 01 de abril de 2010. A proposta visa contemplar o funcionalismo com a revisão anual dos vencimentos, sempre considerando a realidade orçamentária do Município.

O aumento também deve beneficiar os ocupantes de cargos de provimento temporário, com exceção de secretários municipais, daqueles que exercem cargos de Direção e Assessoramento Superior (DAS) e também de Direção e Assessoramento Especial (DAE), que possuem legislação específica.

Na mensagem do projeto, o Governo Municipal salienta que a proposta foi discutida com as entidades representativas dos servidores, ou seja, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais e a Associação dos Professores Licenciados da Bahia (APLB), secção Feira de Santana, tendo a administração demonstrado que tais percentuais são únicos possíveis para o atual cenário orçamentário do Município.

“Em razão da premência da matéria proposta, para que seja possível implantar os novos valores já na folha de pagamento do mês de maio, solicitamos que nossa proposta tenha tramitação em regime de urgência”, apela a mensagem.

Governo Municipal recebe comissão da APLB

Uma comissão formada pela diretoria da APLB/Sindicato será recebida em audiência nesta terça-feira (11) pelo Governo Municipal. O encontro está marcado para às 10 horas, na Secretaria Municipal da Fazenda, instalada no Centro de Atendimento ao Feirense (Ceaf).

A reunião vai contar com as presenças dos secretários de Educação, José Raimundo Pereira de Azevêdo; de Administração, João Marinho Gomes Júnior, e da Fazenda, Wagner Gonçalves, além de diretores da APLB.

Esta não será a primeira vez que a diretoria da APLB é recebida em audiência pelo Governo Municipal. Na pauta sempre foram discutidos pontos relacionados à reforma de escolas, auxílio alimentação para os professores, concurso público, plano de saúde, mudança de referência, dentre outros.

Após decisão tomada em assembléia, os professores da rede municipal de ensino de Feira de Santana iniciaram nesta segunda-feira (10) greve por tempo indeterminado. O Governo Municipal considera a greve precipitada, uma vez que o canal de negociação ainda se mantém aberto.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]