Confira a coluna de Antônio José Larangeira de 21 de abril de 2010

Transporte coletivo

Foge da alçada da Prefeitura Municipal de Feira de Santana as principais causas dos aumentos, rotineiramente estabelecidos ao longo de anos, da tarifa do transporte coletivo urbano. Elevações em custos de insumos como pneus, combustível, peças de reposição, veículos e salários não são determinados pelo desempenho da economia local e, portanto, não são uma decisão do município.

Em apenas um ano e três meses, o Governo Municipal foi muito claro no seu propósito de melhorar o Sistema de Transporte Integrado atacando o seu principal problema: a qualidade da frota. Nesse período, Feira de Santana recebeu 36 veículos zero quilômetro e outros 15 estão chegando, o que significa que praticamente metade dos veículos de uma única empresa foi renovada. A melhoria na qualidade do transporte exige a responsabilidade do Poder Público em proporcionar uma racional viabilidade de investimentos no setor, sob pena do setor se transformar num caos alimentado pelos denominados clandestinos.

O aumento no valor da tarifa é uma prática anual em todo o Brasil e não apenas uma peculiaridade de Feira de Santana. Até porque a melhoria salarial de motoristas e cobradores é, legitimamente, um direito da categoria e, é bom frisar, faz parte dos insumos do setor. Sobre os custos tarifários, os integrantes do Conselho Municipal de Transportes se baseiam também em parâmetros nacionais. Eles analisam os estudos elaborados por técnicos da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito, com base nos métodos do Grupo de Estudo de Integração de Política de Transporte (GEIPOT) e Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP). Esses métodos orientam os coeficientes tarifários em todo país.

A reunião do Conselho está prevista em Lei. Nesta quarta-feira (14), como prevê o artigo 4º da Lei 1065/87, os membros do Conselho estiveram reunidos com a finalidade de apresentação do plano de ação especial de transporte público para a Micareta 2010; discussão de otimização do emprego de frota nova de ônibus coletivos urbanos de Feira de Santana, e análise dos custos tarifários dos ônibus coletivos urbanos.

Educação ambiental

O município de Saubara, no entorno da Baía de Todos os Santos, contará com um projeto de educação ambiental que vai capacitar a comunidade local e turistas, além de implantar uma estrutura de coleta seletiva de lixo. O “Saubara Sustentável” será lançado no próximo dia 24, na Associação de Barraqueiros de Praia do município, fruto de uma parceria entre a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb) e Prefeitura Municipal de Saubara. De acordo com o coordenador do Projeto, professor mestre Ildes Ferreira, a iniciativa visa sensibilizar moradores, professores, estudantes, pescadores, marisqueiras, barraqueiros e também os turistas para práticas sustentáveis de preservação ambiental. “O turismo, assim como as demais atividades econômicas locais devem ter como premissa a preservação ambiental, para que as belezas naturais que tanto encantam os visitantes possam permanecer como características de Saubara”, disse Ferreira.

Crédito

Para otimizar os recursos disponibilizados pelo Banco do Nordeste à agricultura familiar no estado – projeto Crédito Assistido –, a Secretaria da Agricultura (Seagri), por meio da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), realizou, durante o dia 13 ultimo, um encontro para traçar diretrizes e detalhar as metas das 20 principais cadeias produtivas da Bahia e indicar as ações a serem desenvolvidas até o fim do ano. Os agricultores familiares que atuam na apicultura, avicultura, bovinocultura de leite e de corte e caprino-ovinocultura terão disponibilizados, no total, R$ 188,07 mil para financiar sua produção. Para cacau, dendê, palmito e seringueira foram disponibilizados R$ 92,73 mil. Para grãos, café e mamona, a quantia foi estipulada em R$ 94,66 mil. Sisal e algodão tiveram R$ 65,67 mil, enquanto a fruticultura, mandioca, cana, flores e citricultura ficaram com R$ 158,82 mil.

Data

Iara Carmem de Albuquerque que aniversária dia 24 de abril, vai comemorar recebendo na data, um grupo de amigos, para almoço em seu apê no Rio Vermelho.

Distrito Naval

O comandante do 2º.Distrito Naval, vice almirante Arnon Lima Barbosa está convidando para a cerimônia de transmissão do cargo ao vice almirante Carlos Autran de Oliveira Amaral, que ocorrerá às 10 horas do dia 6 de maio próximo, em Salvador.

Mostra

Será dia 27 próximo, na Galeria de Arte Carlo Barbosa  a exposição da artista plástica Nanja. A apresentação dos seus trabalhos  estão sendo feitas através  do texto da intelectual Leni David, no convite que já estão sendo distribuídos.

Esta coluna é publicada diariamente nos jornais online:

Jornal Grande Bahia. Com. Br

Tribuna da Bahia

Notícias da Bahia. Com. Br

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Antonio José Larangeira
Antonio José Larangeira nasceu em 11 de janeiro de 1945, é natural de Santo Amaro da Purificação (BA), é formado em Administração, pela Faculdade Anísio Teixeira (FAT). Atua como jornalista profissional, com registro nº 514 (SINJORBA/FENAJ) e publica coluna diária nos jornais Grande Bahia, Pátria Latina e Tribuna da Bahia. E-mail: [email protected]