Países ibero-americanos querem consolidar promoção regional de importações e exportações

Brasília – Uma videoconferência com técnicos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para a discussão do projeto de integração regional marcou o encerramento, na tarde de hoje (20/04/2010), do encontro que reuniu em Brasília 16 dos 22 países que integram a Rede Ibero-Americana de Organismos de Promoção Comercial (Redeibero). O encontro foi promovido pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

O objetivo da conferência foi analisar a melhor maneira de buscar a complementação das cadeias produtivas dos países que formam a Redeibero. À Agência Brasil, o gerente de Negócios da Apex-Brasil, Sérgio Costa, disse que “a rede possui convênio com o Banco Mundial que viabilizará estudos, consultorias e planejamento estratégico para esta complementação. Um empresário pode, exemplo, produzir certo insumo mas não tem uma indústria para processá-lo. Outro empresário pode processar uma parte do seu insumo e completar o que está faltando em outro país, de onde poderá exportar o seu produto para um terceiro mercado. Então, queremos saber onde esses procedimentos estão acontecendo para buscar uma maneira de integrá-los. O convênio com o Banco Mundial permitirá que isso aconteça”.

De acordo com Sérgio Costa, os representantes da Redeibero discutiram as melhores práticas em termos de promoção das exportações de seus respectivos produtos. “O interessante foi observar que existe um movimento de integração das ações de promoção das exportações e importação, além da atração de investimentos.”

A Apex-Brasil já trabalha atraindo investimentos externos diretos e promove as exportações de produtos e serviços de 10 mil micro, pequenas e médias empresas brasileiras. “Observamos, durante este encontro, que esta é uma forma acertada de trabalhar”. Outros países, segundo o gerente de Negócios da empresa, já estão reestruturando suas agências para que elas trabalhem simultaneamente com a promoção de suas exportações e importações e também com a promoção do país como destino para investimentos externos diretos.”

A Redeibero foi criada em 1999 com o apoio do BID e do International Trade Center (ITC). Participaram do encontro de hoje em Brasília técnicos da Argentina, Bolívia, do Chile, da Colômbia, Costa Rica, de Cuba, El Salvador, Equador, da Espanha, de Honduras, do México, da Nicarágua, do Peru, da Venezuela e do Uruguai – além do Brasil, que preside a redei desde o ano passado.

*Com informação da Agência Brasil

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]