Geddel atribui problemas da Coelba a falta de gestão do governo Wagner

Geddel atribui problemas da Coelba a falta de gestão do governo Wagner.

Geddel atribui problemas da Coelba a falta de gestão do governo Wagner.

Se reportando aos aumentos abusivos cobrados pela Coelba, o pré-candidato ao governo Geddel Vieira Lima disse que desde 2008, quando participava do governo do estado, o PMDB baiano tomou as providências necessárias no sentido de evitar essa prática.

Na ocasião, o partido, que comandava a secretaria estadual da Infraestrutura (Seinfra), responsável pela área de energia elétrica, elaborou um projeto de lei regulamentando a fiscalização da Coelba e avisou a Casa Civil do governo da necessidade de encaminhá-lo para aprovação da Assembléia Legislativa, o que não foi feito até agora.
Ele disse que tentou evitar esse prejuízo e essa dor de cabeça para os baianos. E define a situação como uma espécie de crônica da morte anunciada, que qualquer gestor antenado e responsável poderia prever. “Fizemos os comunicados, elaboramos o projeto de lei, tudo dentro do prazo. Mas, ficou por isso mesmo, o projeto até hoje não foi enviado”, desabafa Geddel.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]