EBDA debate emissão de gases de efeito estufa

“Cadê o Carbono que Estava Aqui? – Agricultura Brasileira – Solução ou Problema na Emissão de gases de Efeito-Estufa”. Este é o tema que será discutido, em videoconferência, sexta-feira (23/04/2010), às 9h, no auditório do Instituto Anísio Teixeira (IAT), por agricultores familiares, sociedade organizada, instituições públicas, sindicatos e cooperativas.

O assunto será abordado pelo doutor em Ecologia pela Universidade de Montpellier, França, Evaristo Eduardo de Miranda, da Embrapa. O evento é promovido pela Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), por meio da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), e faz parte Programa Sextas-Feiras do Conhecimento para a Sustentabilidade.

No interior, os interessados em participar podem comparecer aos auditórios de videoconferência da Rede de Educação, situados nas Diretorias Regionais (Direcs), da Secretaria da Educação de cada município.

Evaristo
Natural de São Paulo graduou-se pelo Institut Supérieur d`Agriculture Rhône Alpes, de Lyon, França. Tem mestrado e doutorado em Ecologia pela Universidade de Montpellier, França e trabalhos técnicos e científicos publicados no Brasil e exterior. É autor de 25 livros.

Professor-orientador, credenciado em mestrados da USP e da Unicamp é membro da diretoria do Instituto Ciência e Fé. Trabalha com desenvolvimento sustentável e em suas pesquisas sobre gestão territorial do agronegócio busca conciliar proteção ambiental e produção agrícola.

Atualmente, lidera, entre outros projetos, o Monitoramento Orbital das Obras do PAC e de seus impactos e Monitoramento da Infraestrutura Crítica da Agroenergia, junto à Presidência da República.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]