Adab estabelece estratégias para defesa agropecuária 2010

As diretrizes para a defesa agropecuária no Estado estão em pauta hoje (13/10/2010) até esta quinta-feira (15) em Ilhéus. Diretores da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), coordenadores regionais e gerentes técnicos estabelecerão as metas para 2010 nas áreas animal, vegetal e de inspeção de produtos de origem agropecuária. A abertura da reunião de trabalho contou com a presença do Secretário de Agricultura Eduardo Salles, que ressaltou a importância da Agência para assegurar a qualidade da pecuária baiana. “Esta reunião é o início de uma plataforma para o planejamento estratégico que será implementado pela Seagri, assegurando definitivamente o suporte das ações de defesa a todas as cadeias produtivas envolvidas na agropecuária baiana”, afirmou Salles.

No primeiro dia do encontro, os mais de 100 participantes receberam informações sobre o Programa Bahia Protegida, envolvendo a reestruturação dos postos fixos e móveis de fiscalização do trânsito de animais e vegetais, além da modernização da defesa agropecuária no Estado com a implantação do sistema de monitoramento via satélite (Adabsat). Outro aspecto relevante apresentado foi a ampliação do sistema de defesa agropecuária (Sidagro) com o cadastramento de 205 mil propriedades das 264 mil existentes na Bahia. A expectativa é de que até o final do mês de maio, todas as propriedades estejam devidamente cadastradas no sistema da Adab, facilitando as ações de vigilância ativa no Estado.

“É tempo de integrar as ações da pesquisa, defesa e extensão, estabelecendo um novo modelo para a defesa agropecuária na Bahia”, disse o diretor da Adab, Cássio Peixoto. “Só assim daremos um salto qualitativo e quantitativo no segmento, oferecendo para os criadores as condições necessárias ao desenvolvimento ao setor e para o público consumidor um produto saudável na mesa”.

Além de aspectos técnicos e administrativos, a reunião abordou, na defesa vegetal as estratégias para definir o Vale do Rio Brumado como Área de Baixa Prevalência para Moscas-das-Frutas e a revitalização da cultura do algodão. O projeto de descentralização do abate e a adesão da Bahia ao Sistema Brasileiro de Inspeção (Sisbi) também foram apresentados aos participantes do evento.

Amanhã (14), serão discutidos aspectos administrativos das ações de defesa, voltados para o planejamento, a execução e o controle das atividades. Os participantes receberão ainda o material de trabalho para a Campanha de Vacinação Contra a Febre Aftosa, a ser iniciada no próximo dia primeiro de maio em todo o Estado. Na segunda etapa da Campanha em 2009, o esforço em conjunto entre produtores e Governo do Estado resultou no índice recorde de vacinação dos animais: 97% do rebanho, estimado em 10,3 milhões de cabeças, imunizado.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]