Câmara prova projeto que aumenta vencimentos de cargos DAS e DAE na administração municipal

A farra com o dinheiro público sempre foi um das atribuições dos políticos brasileiros e agora mais do que nunca existe um momento tão apropriado para se angariar votos se utilizando da máquina pública. O aumento gracioso proposto pelo projeto de iniciativa do poder executivo é com vistas às eleições em 2010. É evidente que está ação tende a ser ampliada uma vez que estes atendem os vencimentos apenas para as funções sob o símbolo DAS (Direção e Assessoramento Superior) e os do símbolo DAE (Direção e Assessoramento Especial).

Os membros do  legislativo feirense com o seu costumeiro servilismo, com raras e honrosas exceções, ao poder executivo aprova de imediato a iniciativa do executivo em primeira discussão. De acordo com o projeto, a partir de 1º de dezembro de 2010, o ocupante de cargo sob o símbolo DAS passa a receber remuneração de R$ 6.500,00. A função de nível DAE terá vencimento fixado em R$ 4.000,00. O projeto determina ainda que o cargo de diretor do Departamento de Defesa do Consumidor vai passar a ter nível DAE.

Em sua mensagem à Câmara, o prefeito Tarcízio Pimenta tenta explicar o inexplicável ao se utilizar da velha retórica de que existem na estrutura administrativa do Município cinco servidores ocupando cargo de nível DAS e quatro de nível DAE, o que não representará grande elevação das despesas de pessoal para a administração. Aos poucos o suado dinheiro público continua a desaparecer no ralo das espertezas e dissimulações do palavreado político.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]