ACM Neto lamenta a morte do ex-ministro Eraldo Tinoco Melo

Eraldo Tinoco Melo (Ipiaú, 20 de novembro de 1943– Salvador, 15 de abril de 2008).

Eraldo Tinoco Melo (Ipiaú, 20 de novembro de 1943– Salvador, 15 de abril de 2008).

O ex-ministro da Educação, ex-vice-governador e professor da UFBA, filiado ao DEM (Democratas/Bahia), Eraldo Tinoco Melo, 64 anos, faleceu na madrugada de hoje (15/04/2008). Ele estava com pancreatite aguda, e desde o dia 30 de março encontrava-se internado no hospital Aliança em Salvador. O corpo está sendo velado no cemitério Jardim da Saudade e o enterro está marcado para hoje às 11 horas.

O deputado ACM Neto lamentou profundamente o falecimento do ex-vice-governador Eraldo Tinoco. “Depois do senador Antonio Carlos Magalhães, doutor Tinoco foi à pessoa com quem mais contei no começo da minha vida pública. Sempre tive um grande afeto e gratidão por ele”, o deputado federal está a caminho de Salvador para participar do velório do ex-vice-governador.

Eraldo Tinoco Melo nasceu em Ipiaú, Bahia, no dia 20 de novembro de 1943. Graduou-se Bacharel em Administração Pública pela Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia (UFBA), onde lecionava no Departamento de Disciplinas Básicas da Escola de Administração (UFBA). Exerceu vários cargos Técnicos e Administrativos na área educacional do Estado da Bahia.

Sobre Eraldo Tinoco Melo

Eraldo Tinoco Melo (Ipiaú, 20 de novembro de 1943– Salvador, 15 de abril de 2008) foi secretário da Educação e Cultura da Bahia (1979-1982), no segundo governo de Antônio Carlos Magalhães e deputado federal (1983-2002). No seu mandato ausentou-se da votação da emenda Dante de Oliveira em 1984 (conhecida como Diretas Já) e votou em Tancredo Neves no Colégio Eleitoral contra Paulo Maluf em 1985.

Licenciou-se do cargo de deputado federal para assumir o Ministério da Educação no governo Fernando Collor de Mello, de 4 de agosto a 1 de outubro de 1992, e a Secretaria da Educação da Bahia no governo de César Borges, de 1 de janeiro de 1999 a abril de 2002.

Em outubro de 2002 foi eleito vice-governador da Bahia na chapa de Paulo Souto (PFL). Neste governo, tornou-se secretário de Infraestrutura.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]