Princesa dos transtornos

Precisamente no mês de junho de 2007, postei um artigo neste meu espaço, comentando – entre tantas outras deficiências da “Cidade Princesa” – sobre o descaso dos gestores públicos com o prédio do Paço Municipal, sede da Prefeitura de Feira de Santana, que por trás de uma placa que anunciava sua reforma, apodrecia lentamente.

Finalmente no ultimo dia 27 de dezembro, após uma demorada reforma, o Paço Municipal Maria Quitéria – nome oficial do prédio – é devolvido ao povo com a sua majestosa altivez de oito décadas. Está de parabéns o Prefeito Jose Ronaldo e sua equipe, pela reforma restituindo ao “Histórico” prédio, a suntuosidade dos seus 81 anos.

Infelizmente os problemas de Feira de Santana não se resumem, simplesmente, ao prédio do Paço Municipal. A Avenida Eduardo Fróes da Mota ou de Contorno – mais conhecida como Avenida do Transtorno – ao longo dos seus 22 km, encontraremos uma quantidade absurda de quebra-molas – o Código de Transito Brasileiro, Lei 9503 de 23.09.97, artigo 94, parágrafo único, proíbe a utilização de ondulações transversais, sonorizadores e redutores de velocidade nas vias públicas – asfalto mau cuidado, com uma manutenção ínfima durante os seus 47 anos e sem nenhuma infra-estrutura.

O lixo acumulado nas calçadas e o crescente número de automóveis que circulam pelo centro da cidade, de forma desorganizada, também se tornam um transtorno. Nada é mais “desurbano” e, portanto, desumano do que a falta de organização no transito da rua Marechal Deodoro onde deveria ser estabelecido um horário para carga e descarga. Em qualquer cidade de porte médio, há um horário pré-estabelecido para este tipo de operação ou um “Porto Seco”.

Fico a me perguntar, quando é que Feira de Santana vai se tornar uma “cidade turística”? A não ser que os “Gestores Públicos” considerem animais – principalmente cavalos e vacas – pastando nos canteiros centrais da bela Avenida Getulio Vargas, um bom atrativo turístico.

Construir viadutos é muito pouco.

Alberto Peixoto

www.antonioalberto.com.br
[email protected]

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]