Luta contra a AIDS

Na celebração mundial de luta contra à Aids, o Núcleo de Estudos de Gênero e Sexualidade (Diadorim) da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) lança campanha de prevenção a essa doença.

Palestras, debates e teleconferências estão entre as atividades da programação do evento, que acontece nos campi de Alagoinhas, Barreiras, Juazeiro, Salvador e Santo Antônio de Jesus, onde a campanha tem início, no próximo dia 3, às 14h, com a exibição do filme O Monólogo da Vagina, que terá sua apresentação seguida de debate.

Essa campanha faz parte do projeto de extensão universitária Aids, Gênero e Desenvolvimento, do Diadorim. “Estamos ampliando a atuação de nosso órgão, que teve suas atividades iniciadas em 2002, na cidade de Alagoinhas. Esse evento, por exemplo, vai percorrer diversos outros campi da instituição”, disse o coordenador do núcleo, Marco Antônio Martins, referindo-se as cidades que sediam o evento.

“A UNEB tem um papel importante para a criação e implementação de políticas de saúde nas cidades do interior, no sentido de sensibilizar as prefeituras locais e a população em geral sobre a ameaça da epidemia de doenças sexualmente transmissíveis”, avalia Mary Galvão, diretora do Serviço Médico e Odontológico e Social (SMOS). E reforça: “Temos que ficar atentos ainda ao desenvolvimento e elaboração de políticas públicas de prevenção e assistência aos portadores do vírus HIV”.

Essa ação da universidade – que tem como parceiros o SMOS, a Pró-Reitoria de Administração (Proad) e a Pró-Reitoria de Extensão (Proex) – integra a campanha internacional dos 16 dias de ativismo, com atividades de prevenção à Aids e de promoção dos Direitos Humanos.

Segundo Oswaldo Fernandez, coordenador-geral do Diadorim, o atual quadro da epidemia no país sinaliza que a Aids continua crescendo na população brasileira, particularmente entre mulheres adolescentes e jovens homossexuais.

“Esse retrato reforça a tendência desta epidemia em nosso país. Isso vem apontando a necessidade de reforçamos as campanhas de prevenção e, principalmente, de incorporar essa temática na realidade escolar”, salienta Fernandez, acrescentando ainda a necessidade de se viabilizar serviços anônimos de assistência aos portadores desse vírus.

“Nossa campanha vai abrir espaço de reflexão sobre essa problemática de saúde pública, sensibilizando a comunidade universitária, as prefeituras municipais e a população das cidades onde possuem campus da UNEB para a implementação das políticas públicas de prevenção e assistência .

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]