Na Onda do Upgrade

Desde o inicio do século passado, na busca da beleza ou de uma estética mais arrojada, as mulheres não medem dificuldades para corrigir pequenos desvios nos seios, nádegas, ventre e até mesmo – conforme sua situação financeira – a plástica facial.

Atualmente as coisas mudaram de foco e o modismo, no segmento estético, tomou outros rumos trocando o visual externo pelo interno, dando como prioridade o rejuvenescimento da vagina, através de um “upgrade vaginal” – também conhecido com “vadjaina”.

Upgrade vaginal – melhorar a qualidade – que se realiza com anestesia epidural, consiste no estreitamento da vagina que, em conseqüência, reduz as inflamações uterinas e evita o corrimento da mucosa fétida do colo do útero, reduz ou aumenta o tamanho dos lábios vaginais – grandes ou pequenos lábios – retira o excesso de gordura da região pubiana, faz o escurecimento do tecido epitelial, retira o excesso de peles e corrige o murchamento da vulva, modificando assim, todo o contorno da vagina.

Segundo os especialistas nessa modalidade de cirurgia, na maioria dos casos, as mulheres passam a sentir mais prazer sexual após a intervenção cirúrgica. O tempo médio de duração dessa intervenção varia de quarenta e cinco minutos à uma hora, devendo a paciente permanecer no hospital por 24 horas, só podendo retornar as atividades sexuais após um período de 45 a 60 dias.

Essa técnica foi desenvolvida pelo medico francês Jean Pierre Fournier, na década de 70, chegando ao Brasil em 1996. A partir dessa intervenção cirúrgica as mulheres, que deixaram de ter vida sexual ativa por complexo causado pela aparência do seu órgão genital, voltaram a fazê-lo com prazer.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Alberto Peixoto
Antonio Alberto de Oliveira Peixoto, nasceu em Feira de Santana, em 3 de setembro de 1950, é Bacharel em Administração de Empresas pela UNIFACS, e funcionário público lotado na Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia, atua como articulista do Jornal Grande Bahia, escrevendo semanalmente, é escritor e tem entre as obras publicadas os livros de contos: 'Estórias que Deus Duvida', 'O Enterro da Sogra, 'Único Espermatozoide', 'Dasdores a Difícil Vida Fácil', participou da coletânea 'Bahia de Todos em Contos', Vol. III, através da editora Òmnira. Também atua incentivador da cultura nordestina, sendo conselheiro da Fundação Òmnira de Assistência Cultural e Comunitária, realizando atividades em favor de comunidades carentes de Salvador, Feira de Santana e Santo Antonio de Jesus. É Membro da Academia de Letras do Recôncavo (ALER), ocupando a cadeira de número 26. E-mail para contato: [email protected] Saiba mais sobre o autor visitando o endereço eletrônico http://www.albertopeixoto.com.br.