Debate político mobiliza sociedade feirense

Debate com vereadores de Feira de Santana no estúdio da Rádio Sociedade.

Debate com vereadores de Feira de Santana no estúdio da Rádio Sociedade.

A população feirense, durante cerca de três horas, teve suas atenções voltadas para o debate dos vereadores que foi ao ar através da Rádio sociedade de Feira de Santana. Que têm como idealizadores os âncoras dos programas: Rotativo News (Joilton Freitas) e De Olho Na Cidade (Jorge Biancchi). O debate faz parte da abertura de muitos outros que irão acontecer ainda este mês e se estenderão até o dia 28 de dezembro, quando ocorrerá o seu encerramento tendo como convidado o governador do Estado da Bahia, Jaques Wagner.

Estiveram participando do debate quatro vereadores, dois da situação e dois da oposição: Fábio Lucena (DEM) e Magno Felzemburg (DEM); Marialvo Barreto (PT) e Roberto Tourinho (PPS), estes pela oposição. O programa foi conduzido de forma satisfatória pelos seus mediadores. E teve como situação atípica o fato de ter chegado atrasado ao programa o vereador Magna Felzemburg, que ao chegar desculpou-se e adiantou que o seu atraso ocorreu devido o mesmo encontrar-se participando da convenção do seu partido em Salvador.

As perguntas formuladas aos vereadores, inicialmente, foram feitas pela produção do programa através de sorteio. Só no terceiro e último bloco foi que o cidadão pode interagir com os seus legisladores ao formular perguntas através do telefone. Tantos os vereadores da situação como da oposição se comportaram com muita dignidade e foram muito hábeis em suas colocações. Dos vários temas sociais abordados pelos debatedores, tais como a distribuição de títulos honoríficos e outras homenagens feitas pelos vereadores; o papel da Uefs junto à comunidade feirense; a divisória de vidro existente na Câmara em que segrega de um lado os edis, do outro o povo nas galerias, além de outros temas, a questão da saúde causou uma certa polêmica.

O vereador que dá sustentação política ao governo municipal, Fábio Lucena, culpou a superlotação dos postos de saúde, que vem ocorrendo no município em função, do Hospital Geral Cleríston Andrade não oferecer um atendimento adequado aos pacientes e foi enfático ao afirmar: “é preciso que o HGCA passe a ser um hospital de referência no município, para que isso deixe de acontecer”. Roberto Tourinho, oposição, chamou a atenção de seu colega ao lembrar que a crise ali existente vem de administrações passadas, mas também foi enfático ao afirmar que a competência de seu administrador, o médico Eduardo Leite, e a forma como ele vem administrando o hospital, em breve irá contornar esta crise.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]