Zimbábue tem expectativa de vida mais baixa do mundo

Segundo a OMS, todos os dez países com as expectativas de vida mais baixas estão na África. Os cidadãos de Suazilândia e Serra Leoa também morrem, em média, antes dos 40 anos de idade.

O país com a expectativa de vida mais alta é o Japão, onde se espera que as pessoas vivam até os 82 anos.

No Brasil, a expectativa é de 67 anos para homens, e 74 para as mulheres, um pouco abaixo do que no país vizinho Argentina, onde a expectativa é de 71 para homens e 78 para mulheres.

Aids e pobreza

Correspondentes dizem que as prováveis causas do declínio da expectativa de vida no Zimbábue são a pobreza e a alta incidência de Aids. As mulheres no país correm mais riscos de contrair o vírus HIV do que os homens.

Segundo o editor para África da BBC, David Bamford, os dados do relatório da OMS em relação ao Zimbábue são surpreendentes, especialmente quando se leva em conta que há 20 anos o país tinha um dos mais altos padrões de vida do continente.

A economia do Zimbábue encolheu 40% nos últimos sete anos, sob governo do presidente Robert Mugabe.

Nos Estados Unidos, a maior economia do mundo, a expectativa é de 75 anos para os homens e 80 para as mulheres.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]